(Fonte da imagem: Reprodução/Formlabs)

Pouquíssimo tempo atrás, ter uma impressora 3D era uma ideia reservada apenas aos mais ricos. Entretanto, isso está mudando lentamente, visto que recentemente elas vêm se tornando mais eficientes e baratas – de fato, analistas acreditam que até 2016 esses aparelhos podem se tornar investimentos viáveis para boa parte do público.

A pesquisa feita pelo grupo de pesquisa Gartner, segundo o G1, prevê que em três anos impressoras 3D poderão ser compradas por valores em torno de 2 mil dólares. A quantia, embora alta, é muito menor do que vemos atualmente nesses dispositivos, podendo não só ser adquirida por empresas menores como também por pessoas comuns.

Com isso, é possível que o futuro traga o nascimento de novos negócios, como lojas especializadas na impressão de objetos 3D. Outras empresas poderiam passar a utilizar o aparelho para criar protótipos com um gasto mínimo de recursos e uma velocidade muito maior do que a atual. Seja como for, o maior acesso a essa tecnologia promete grandes mudanças, que, no momento, só podemos imaginar.

Cupons de desconto TecMundo: