(Fonte da imagem: Reprodução/Slash Gear)

Com o passar dos anos, inúmeras modificações foram implementadas no buscador de conteúdo mais famoso do mundo: o Google. Muitos dos algoritmos que controlam os sites exibidos filtram as palavras digitadas e exibem os sites mais bem posicionados e que sejam confiáveis.

Com a constante disseminação de arquivos piratas na web, medidas que pretendem bloquear certos termos de pirataria digital foram adicionadas com o tempo – principalmente em relação aos populares torrents.

Normalmente, o Google fornece resultados semelhantes às palavras digitadas e que não levam diretamente aos sites com torrents (especialmente quando os termos “BitTorrent” e “uTorrent” estão entre os escritos). Esses dois nomes foram bloqueados pelo filtro antipirataria do Google juntamente com outras palavras há algum tempo.

Entretanto, recentes pesquisas exibem BitTorrent e uTorrent sem problemas – inclusive, o Google já sugere os nomes no momento de digitação. Segundo informações do site Slash Gear, a inclusão desses termos já fez com que o tráfego nos sites com torrents aumentasse significativamente. Eles já são sugeridos enquanto as pessoas digitam os seus respectivos nomes – o que não estava acontecendo antes.

O Google nunca baniu esses termos por completo, já que, quando eram digitados inteiramente e de modo 100% correto, eles eram exibidos, porém o buscador não os mostrava nas listas principais e de sugestão. Como muitas coisas que ocorrem nos bastidores do Google, não é muito claro como as palavras caem no filtro antipirataria e por que voltam. 

Cupons de desconto TecMundo: