"Poder de fogo" da Google está no mercado. (Fonte da imagem: Reprodução/Google Cloud Plataform)

Para conseguir manter seus inúmeros serviços online, a Google precisou construir uma estrutura de processamento e armazenamento de dados enorme. Até então, somente a empresa e algumas pessoas tinham acesso a todo esse poder de fogo acumulado ao longo do tempo. Na Google I/O deste ano, entretanto, essa história mudou, e a companhia pretende alugar para qualquer desenvolvedor ou empresa essa estrutura.

Na verdade, a Google abriu esse novo serviço para competir com o Amazon Web Services, que comercializa praticamente a mesma coisa. A diferença entre elas será mesmo as funcionalidades oferecidas na estrutura.  

No Google Cloud Plataform, são cerca de 3 milhões de aplicações para cálculo e construção de outras ferramentas. Fora isso, o App Engine 1.8.0 da empresa conta com o motor PHP atualizado — segundo eles, a ferramenta mais requisitada pelos desenvolvedores.

Cupons de desconto TecMundo: