Instalação chinesa da Foxconn reabre linhas de montagem depois de tumulto violento. (Fonte da imagem: Reprodução/Reuters)

As linhas de montagem da Foxconn em Taiyuan-Shanxi, na China, voltaram a funcionar hoje (25) depois de um dia inteiro paradas. Segundo a empresa, uma briga generalizada começou nos dormitórios do complexo, deixando 40 pessoas feridas.

Dois mil funcionários se envolveram na confusão, e foi preciso acionar 5 mil guardas para conter a revolta dos trabalhadores. O motivo da briga, no entanto, ainda é incerto, mas alguns empregados da Foxconn publicaram nas redes sociais informações que apontam como estopim da confusão a agressão por parte dos guardas.

Contudo, a empresa revelou que a produção não foi comprometida, sendo que a fábrica trabalha com armazenamento em estoque para prevenir atrasos.

Fonte: Reuters

Cupons de desconto TecMundo: