Halo lunar fotografado na Groelândia (Fonte da imagem: Eddy Stockard)

Estando tão preocupados com a rotina, alguns se esquecem de olhar para os céus e, quando o fazem, encontram efeitos atmosféricos tão incríveis que podem chegar a pensar que aqueles halos e luzes são, na verdade, discos voadores. Mas não há nada de alienígena nisso, já que eles podem ser facilmente explicados pela Física.

A imagem acima, por exemplo, é a de um halo lunar capturado pelas lentes do fotógrafo Eddy Stockard, que compartilha outras imagens incríveis em sua conta do Flickr. Na ocasião, Stockard estava passando uma temporada de três meses no Manto de Gelo da Groelândia, mais especificamente em uma estação de pesquisa financiada pelos Estados Unidos.

Os halos lunares são produzidos a partir da refração da luz da Lua nos cristais de gelo presentes em nuvens altas. Além desses, outros efeitos ainda mais curiosos estão presentes na galeria, como a aurora boreal, causada pelo impacto das partículas do vento solar ou de poeira espacial com a atmosfera da Terra.

Outras luzes curiosas que aparecem nos céus da Groelândia são os parélios. Conhecidos em inglês como sun dogs, esses são pontos de luz que normalmente aparecem em halos solares, um de cada lado do sol.

Confira, na galeria abaixo, outras fotos de Stockard.

Cupons de desconto TecMundo: