Conteúdos em Flash serão automaticamente bloqueados no Chrome a partir do final deste ano, informou a Google. Uma opção que permite a execução das páginas em Flash ainda vai ficar disponível, mas os usuários terão de ativar o modo de compatibilidade manualmente. Também segundo esclareceu a empresa, somente 10 dos maiores e mais populares sites vão continuar com o Flash ativado por mais um ano (Facebook, YouTube e Amazon, por exemplo, são alguns deles).

Após esse prazo, figurões como Mark Zuckerberg terão de desenvolver soluções próprias, junto de outras plataformas, pois todo o material em Flash passará então a não funcionar mais. Uma data de “extinção” não foi determinada para o plugin, uma vez que, mesmo após o bloqueio, ainda será possível executar páginas que rodam em Flash.

'O tom e o espírito [da iniciativa] deverão permanecer consistentes', diz a Google

Além de permitir a proteção contra softwares maliciosos, a atualização terá o objetivo também de incentivar desenvolvedores a implementar o uso do HTML5 – sites que possuem backups em HTML5 serão executados por padrão sob a nova linguagem. Detalhes quanto aos planos da Google não foram divulgados, mas “o tom e o espírito [da iniciativa] deverão permanecer consistentes”.

Após um ano, sites como Facebook e YouTube deverão também implementar outros plugins.

Quem vai executar o Flash por mais um ano?

Os sites que deverão executar conteúdo em Flash por mais um ano, a contar a partir do final de 2016, são os seguintes:

  • YouTube.com
  • Facebook.com
  • Yahoo.com
  • VK.com
  • Live.com
  • Yandex.ru
  • OK.ru
  • Twitch.tv
  • Amazon.com
  • Mail.ru

Vale lembrar que a remoção de “conteúdo desnecessário” em Flash começou a ser feita há um ano pela Google. Como efeito da aposentadoria do plugin está não apenas o fim de certas ameaças online, mas também a melhoria de performance na execução de material gráfico e conseguinte economia de energia.

...

Quais programas para proteção durante a visita a sites você usa? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: