A fabricante chinesa Oppo ganhou os holofotes no ano passado ao lançar o Find X, um dos primeiros smartphones com câmera retrátil do mercado. Ao que parece, a companhia gostou da escolha de design e deve investir mais nisso, mas de um jeito diferente: segundo uma patente registrada pela companhia, a empresa agora tem permissão para fazer celulares com uma tela retrátil.

Apesar da ideia ser meio fora da curva, o pessoal do Let's Go Digital, que descobriu a patente, divulgou alguns desenhos conceituais mostrando a tecnologia em ação. Os registros mostram um smartphone com uma pequena tela que pode ser escondida dentro do dispositivo. Além disso, as imagens também exibem uma variante com display slide, que pode ser guardado na traseira do aparelho.

Imagem: Let's Go Digital

As soluções apresentadas na patente podem ser algumas das alternativas da fabricante chinesa para competir contra aparelhos do mercado de smartphones dobráveis, como o Samsung Galaxy Fold e o Huawei Mate X. Ao que tudo indica, porém, a companhia não quer apostar em um display OLED e que se dobra para trazer um smartphones maior aos consumidores, mas sim uma tela secundária e que traz funções extras durante o uso do aparelho.

A patente pode indicar uma alternativa da Oppo para os smartphones dobráveis

Enquanto os aparelhos dobráveis podem praticamente ser transformados em tablets para aprimorar o consumo de conteúdos como vídeos e imagens em alta definição, a solução da Oppo deve ter como foco trazer controles adicionais para o smartphone, segundo o Let's Go Digital. Pensando nisso, é possível teorizar que as telas secundárias podem servir como teclado digital, para melhorar a experiência de digitação, ou como extensão para aplicativos ou arquivos de mídia.

Como se trata apenas do registro de uma patente, é difícil dizer quando ou se a Oppo vai lançar um produto trazendo telas retráteis. Caso isso venha a acontecer, com certeza teremos algum vazamento mostrando novidades sobre os produtos da fabricante no futuro - isso se a nova política anti-leak da empresa não surtir efeito.