Uma nova patente da Google encontrada pelo T3 pode indicar que a empresa estaria trabalhando em uma nova forma de trazer smartphones modulares ao mercado. O documento indica dispositivos que permitiriam trocar partes inteiras do celular ou tablet e, com isso, trocar componentes internos.

Nessa troca, uma tela poderia ser acoplada com alguns chips, um módulo de bateria poderia trazer outros componentes extras e o de câmera também. Esse conceito de modularidade é mais limitado que o do Project Ara, mas ainda bastante interessante.

patente googlePatente mostra partes intercambiáveis do possível celular modular da Google (fonte: T3)

O falecido conceito permitia trocar praticamente todos os recursos mais importantes do celular (processador, memória, tela, câmeras, bateria e outros) individualmente, mas o que vemos na patente já aglomera alguns desses elementos em partes maiores.

Ainda assim, a patente mostra uma forma de modularidade um pouco mais avançada do que a Motorola oferece com os Moto Snaps da linha Moto Z. De qualquer maneira, como se trata de uma patente, essa tecnologia pode muito bem nunca ser implementada pela empresa.

Contudo, caso a Google ainda esteja levando a sério conceitos como esse, talvez, no futuro, ainda teremos a possibilidade de personalizar nossos smartphones como fazemos com nossos PCs.

Cupons de desconto TecMundo: