A Korea Fair Trade Commission (KFTC), autoridade reguladora da Coréia do Sul para competição econômica, já processa a Qualcomm faz alguns anos. Segundo a autoridade, a fabricante de chips deve pagar US$ 915 milhões por abusar de patentes. Junto com a KFTC, outras empresas reforçam o processo, como a Apple, Intel, MediaTek e Huawei — a Samsung também processava, mas saiu após um acordo com a Qualcomm —, e a LG parece que entrou no mesmo barco.

Quando a Samsung saiu do caso da KFTC, o processo perdeu força, de acordo com a mídia local. Porém, com a entrada da LG, pode ser que a Qualcomm acabe sendo obrigado a pagar o valor milionário.

Como nota o Business Korea, a LG também faz negócios com a Qualcomm, então não será estranho se a companhia der um passo para trás nesse movimento. Ainda, que uma resolução para o caso deverá levar mais alguns anos. “Até agora, a KFTC e a Qualcomm realizaram 11 audiências e interrogatórios desde outubro do ano passado. Levará vários anos para que o tribunal apresente o veredicto final”, adicionou o Business Korea.