Visualmente, o Galaxy S9/S9+ não deve trazer mudanças tão radicais em relação ao Galaxy S8/S8+, especialmente se levarmos em conta a comparação entre o próprio S8 e o seu antecessor, o S7/S7 Edge. Em relação a recursos, porém, os próximos flagships da Samsung devem apresentar pelo menos duas grandes novidades.

Uma delas já era esperada para este ano: o leitor de digitais sob a tela. O recurso supostamente não se saiu como o esperado pela fabricante, que decidiu adiar a sua estreia — ele também não foi incluído no Galaxy Note 8, lançado recentemente. A outra é um leitor facial aprimorado, uma espécie de evolução do recurso embutido no S8.

No rosto ou no dedo

Os Galaxy S8 e S8+ contam com um sistema de desbloqueio facial, mas ele foi bastante criticado e se mostrou inferior ao Face ID, o sistema de reconhecimento de rosto do iPhone X. Para 2018, a Samsung não quer saber de ficar para trás e, de acordo com o perfil no Twitter especializado em antecipar novidades jPzamoraS, o método usará uma câmera 3D e sensor infravermelho tal qual o smartphone da Apple.

Nesta semana, circula a notícia de que a Samsung registrou uma nova patente da tecnologia de leitor de digitais debaixo da tela. Agora, o jPzamoraS reforça o rumor ao trazer a informação de que a fabricante deve mesmo incluir o recurso no S9 e no S9+, combinando assim dois métodos distintos para desbloqueio da tela, autenticação, confirmação de pagamentos com o Samsung Pay e muito mais.

Cupons de desconto TecMundo: