Acaba de sair mais um episódio da novela do lançamento de uma versão mais avançada do chipset predominante da Qualcomm entre os smartphones top de linha atuais, o Snapdragon 836. Primeiro, os rumores da indústria diziam que os vindouros Pixel 2 e Pixel 2 XL da Google trariam a novidade no seu interior. Depois, falou-se que isso não era mais verdade e que o SoC melhorado não sairia em 2017 e que, portanto, os próximos celulares de ponta da Gigante das Buscas teriam que se contentar mesmo com o atual 835. Agora, temos novas previsões.

Citando fontes de extrema confiança, o famoso “vazador” do Twitter, Evan Blass – do perfil @evleaks – confirmou que a Qualcomm havia dito à Google que ela poderia esperar o Snapdragon 836 para usar nos novos Pixel, mas depois adiou o chip por motivos desconhecidos. Atualmente, a previsão é que o SoC chegue ao mercado no começo de 2018, mas uma data específica não foi revelada.

Além disso, Blass afirma que existe a possibilidade de que, quando for lançado, o componente que hoje conhecemos como Snapdragon 836 chegue com um nome diferente – e que também não foi revelado. Seja como for, a novidade praticamente grava em pedra que os novos smartphones de ponta da Google realmente vão vir de fábrica com o chip 835 em seu interior, o que ainda é muito bom. Quanto ao resto, só podemos esperar para ver.

Cupons de desconto TecMundo: