No mundo dos esportes, equipamentos eletrônicos são úteis para marcar dados durante as partidas e geralmente são usados sem problemas com essa finalidade. Porém, há casos nos quais a tecnologia é usada para fins menos honestos, e aparentemente isso aconteceu com o Boston Red Sox, time de beisebol norte-americano.

Recentemente, o New York Yankees acusou o Boston Red Sox de repassar sinais usados para indicar os arremessos que seriam feitos com o auxílio de um Apple Watch. O caso aconteceu no último mês, e o Yankees chegou a mostrar um vídeo no qual um membro do time rival olha para o dispositivo e envia uma mensagem para os jogadores, possivelmente dando dicas do arremesso que seria feito. Aliás, a própria MLB (liga do esporte) confirmou isso utilizando uma gravação própria para replays instantâneos e transmissões.

Um dado curioso é que, pelas normas da liga, não há nenhum problema em ter alguém observando os sinais que indicam os arremessos que serão utilizados e repassar esse dado para os membros do time. Entretanto, não é permitido usar equipamentos eletrônicos para agilizar esse processo, e certamente esse é o ponto criticado nessa história toda.

Não há nenhum problema em ter alguém observando os sinais que indicam os arremessos que serão utilizados e repassar esse dado para os membros do time

Com a palavra, o acusado

Sobre o caso, o Boston Red Sox assumiu que tem treinadores que repassam algumas informações para os jogadores utilizando dispositivos eletrônicos, prática que está em vigor há algum tempo. Entretanto, o time também acusou o New York Yankees de usar câmeras de sua rede de televisão para roubar sinais dos jogadores durante as partidas, o que possivelmente fará com que essa discussão se alongue por mais um tempo.

Cupons de desconto TecMundo: