Parece que a Samsung se rendeu mesmo à nova moda da indústria de smartphones: o sistema duplo de câmeras na parte traseira. O primeiro aparelho da coreana a trazer o recurso foi o recém-lançado Galaxy Note 8 e, de acordo com capturas de tela do suposto Galaxy C8 (SM-C7100) vazadas por Roland Quandt no Twitter, o segundo modelo está prestes a chegar ao mercado.

As capturas do vídeo promocional — aquele que fica rodando no celular para que ele seja exposto em vitrines — claramente indicam um sistema de câmeras duplo na parte traseira mostrando duas lentes decompostas acompanhadas por uma lupa na parte direita. Isso pode indicar que o sistema seria parecido com o do Note 8, no qual o segundo sensor tem uma objetiva com zoom fixo de duas vezes.

Pelo número do modelo, entretanto, os vazamentos acerca desse produto vinham se referindo a ele como uma nova versão do Galaxy C7, mas a Samsung já lançou um celular com esse nome em 2017 na Ásia, bem como um Galaxy C10. Nenhum desses, entretanto, tem um sistema duplo de câmeras na parte traseira.

Um vazamento vindo da TEENA, a “Anatel chinesa”, já havia indicado esse recurso fotográfico em um celular da Samsung antes mesmo do lançamento do Note 8, mas, apesar de Quandt ter publicado no Twitter as imagens promocionais do aparelho, não há nenhuma informação concreta sobre uma possível data de lançamento ou preço para o mercado internacional.

Tradicionalmente, a linha Galaxy C não chega ao Brasil, e esse smartphone deve contar com um processador MediaTek Helio P20, também pouco comum para a marca no mercado nacional. De qualquer forma, o novo C8 deve contar ainda com uma câmera frontal de 16 MP, sendo que as traseiras teriam 12 MP e 5 MP.

A tela supostamente mediria 5,5’’ na diagonal, com resolução Full HD. Deve haver pelo menos duas opções desse celular no mercado asiático: uma com 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento e outra com 4 GB e 64 GB. Caso alguma delas chegue ao mercado nacional, talvez sejam renomeadas para a linha J com o sufixo Prime.

Cupons de desconto TecMundo: