Analistas do Barclays, um grande banco de investimentos britânico, acreditam que os clientes da Apple não estarão tão dispostos a pagar US$ 1 mil ou mais em um iPhone, mesmo que ele tenha um design diferente dos demais aparelhos da marca, como deve ser o caso do iPhone 8. O rumor de que o novo celular vai mesmo custar mais de mil dólares já é aceito de forma praticamente universal, mas ainda não temos qualquer confirmação oficial disso. De acordo com os analistas do banco, entretanto, para vender o celular por esse preço, a Apple poderia oferecer assinaturas gratuitas do Apple Music e também mais espaço no iCloud de graça.

Entretanto, mesmo isso sendo perfeitamente possível, é uma prática muito rara por parte da Apple. A empresa simplesmente não tenta oferecer serviços gratuitos a fim de impulsionar suas vendas de hardware, ainda mais quando se trata do iPhone. O contrário, entretanto, já aconteceu. Recentemente, a empresa ofereceu três meses de Apple Music gratuitos para quem comprasse os fones BeatsX. Nesse caso, a intenção era aumentar a base de usuários do serviço de streaming e não vender mais fones.

Analistas afirmaram que o preço do iPhone 8 pode ser tão alto que faria com os usuários da Apple migrassem para aparelhos da Samsung

Os mesmos analistas também já afirmaram que o preço do iPhone 8 pode ser tão alto que isso faria com os usuários da marca migrassem para aparelhos da Samsung ou de outras marcas. Essa declaração, naturalmente, não foi bem recebida pelos fãs.

Mas, em parte, é necessário concordar com eles. Uma recente pesquisa avaliou a lealdade dos usuários do iPhone e 80% deles estavam empolgados para comprar a próxima versão do dispositivo nos EUA. Além disso, 70% sequer consideram outras marcas na hora de trocar de smartphone.

Quando essa galera foi informada de que o iPhone 8 deve custar US$ 1 mil ou mais, 67% afirmaram que esse preço é muito alto para um smartphone. Contudo, 40% comprariam o aparelho mesmo assim. Ou seja, talvez não seja necessário nenhum tipo de "gratuidade" para convencer esse pessoal.

Cupons de desconto TecMundo: