7 curiosidades sobre o já centenário Ursinho Pooh

3 min de leitura
Imagem de: 7 curiosidades sobre o já centenário Ursinho Pooh
Imagem: Walt Disney Pictures
Avatar do autor

É possível que você já tenha ouvido falar do Ursinho Pooh. Esse grande personagem de desenho animado participou da infância de milhares pessoas, inspirando-as a serem corajosas e a lutarem por seus sonhos.

Por já fazer mais de 100 anos que Pooh surgiu pela primeira vez, muitos aspectos sobre sua criação e sua história se perderam com o tempo; por isso, como forma de matar a saudade e reviver a nostalgia dessa grande obra da Disney, listamos sete curiosidades sobre o Ursinho Pooh.

Confira!

1. Desenho foi inspirado em brinquedos

Os nomes dos brinquedos de Christopher Robin Milne se mantiveram o mesmo para a história, assim como o do próprio menino, que foi emprestado para o seu personagem. (Walt Disney Pictures/Reprodução)O nome dos brinquedos de Christopher Robin Milne se mantiveram na história, assim como o do menino, que foi emprestado para o personagem. (Fonte: Walt Disney Pictures/Reprodução)Fonte:  Walt Disney Pictures 

Alan Alexander Milne, criador de Ursinho Pooh (Winnie the Pooh), inspirou-se na infância do filho para criar a história que se tornou um clássico mundial.

Christopher Robin Milne costumava viver diversas aventuras com suas pelúcias na infância, as quais tinham formas de diversos animais, como urso, tigre e porco. Por esse motivo, o escritor montou um universo no qual a infância do filho ficou para sempre imortalizada ao lado de seus melhores amigos.

2. Christopher Robin Milne teve problemas com Pooh

Milne e o urso de pelúcia que inspirou Pooh em 1925. (Getty Images/Reprodução)Milne e o urso de pelúcia que inspirou Pooh, em 1925. (Fonte: Getty Images/Reprodução)Fonte:  Getty Images 

Christopher Robin Milne viveu uma série de problemas derivados da grande fama de Pooh em todo o mundo. Além de ser intimidado pelos colegas de escola durante a infância, o que lhe gerou grandes traumas, o menino encontrou dificuldade para conseguir trabalhos em áreas que não tinham relação com a escrita.

Esse grande universo de fama no qual foi inserido desde os primeiros anos de idade fizeram que ele revelasse algumas mágoas com o personagem depois de adulto. Em seu livro de memórias The Enchanted Places, lançado em 1974, Milne escreveu que sentia como se o pai tivesse conquistado o sucesso através de seus ombros, deixando para ele apenas a fama vazia de ser o filho.

3. Ursinho Pooh teve seus direitos concedidos para a Disney

Ao longo do tempo os direitos de Pooh ainda foram motivos de brigas e disputas comerciais. (Walt Disney Pictures/Reprodução)Os direitos de Pooh foram motivos de brigas e disputas comerciais. (Fonte: Walt Disney Pictures/Reprodução)Fonte:  Walt Disney Pictures 

Em 1961, Shirley Slesinger Lasswel, esposa do então falecido Alan Alexander Milne, concedeu os direitos de Ursinho Pooh para a Walt Disney em troca de royalties. Desde então, os estúdios da companhia desenvolveram uma série de produções cinematográficas e televisivas estrelando Pooh. Até o momento, mais de 12 filmes foram lançados, além de 6 especiais para a TV.

4. Pelúcias de Milne estão em acervo de biblioteca

É possível fazer o passeio e observar os brinquedos de forma gratuita. (Wikimedia Commons/Reprodução)É possível fazer o passeio e observar os brinquedos de forma gratuita. (Fonte: Wikimedia Commons/Reprodução)Fonte:  Wikimedia Commons/ 

As pelúcias originais de Milne que inspiraram o desenho fazem parte do catálogo da Biblioteca Pública de Nova York desde 1987. Elas estão expostas para o público na sala Infantil e acompanham uma grande quantidade de obras literárias destinadas às crianças.

É possível ver Ursinho, Tigrão, Leitão e Ló. Guru foi perdido antes da exposição, e os demais personagens foram inventados pelo escritor.

5.  Uma pesquisa relacionou Ursinho Pooh a problemas mentais

(Walt Disney Pictures/Reprodução)(Fonte: Walt Disney Pictures/Reprodução)Fonte:  Walt Disney Pictures 

Pesquisadores da Universidade de Ave, no Canadá, desenvolveram um trabalho no qual identificaram uma série de problemas mentais no comportamento dos personagens de Pooh. Enquanto o famoso ursinho teoricamente sofre de uma compulsão alimentar ligada à autoestima, Leitão teria transtorno de ansiedade generalizada, por sempre estar assustado e ansioso.

6. Ursinho Pooh foi desenhado a mão por diversos anos

A primeira vez que Pooh apareceu na televisão foi em 1960, uma vez que o personagem ficou famoso através de seus livros. (Walt Disney Pictures/Reprodução)A primeira vez que Pooh apareceu na televisão foi em 1960, uma vez que o personagem ficou famoso através de seus livros. (Fonte: Walt Disney Pictures/Reprodução)Fonte:  Walt Disney Pictures 

Quando Pooh foi desenvolvido, o avanço tecnológico ainda caminhava lentamente. Dessa forma, não restou outra opção para Milne além de desenhar Pooh a mão todas as histórias lançadas. Mesmo depois de ser vendido para a Disney, a tradição se manteve por diversos anos, para manter a imagem do ursinho fiel à versão original.

7.  Ursinho Pooh foi censurado na China

Longa lançado em 2018 trás Chistopher Robin em uma versão adulta. (Walt Disney Pictures/Reprodução)Longa lançado em 2018 tem Christopher Robin em uma versão adulta. (Fonte: Walt Disney Pictures/Reprodução)Fonte:  Walt Disney Pictures 

Em 2018, a China censurou o live-action Christopher Robin — Um Reencontro Inesquecível nos cinemas sem dar uma explicação. As teorias aceitas na época foram as comparações físicas que a oposição do governo estava fazendo entre Pooh e Xi Jinping, presidente da China.

Gostou da lista? Deixe seu comentário e fique ligado para não perder nem uma novidade aqui no TecMundo!