Vingadores: Irmãos Russo revelam novos segredos da saga

5 min de leitura
Imagem de: Vingadores: Irmãos Russo revelam novos segredos da saga
Imagem: IMDb/Reprodução
Avatar do autor

No último domingo (26), os Irmãos Russo se juntaram a Christopher Markus e Stephen McFeelys, roteiristas de Vingadores: Guerra Infinita (2018) e Ultimato (2019), para contar alguns segredos no Twitter, em comemoração ao aniversário de lançamento dos filmes. Já na segunda-feira (27), foi a vez de os diretores participarem de uma live com Robert Downey Jr. no Instagram e levantarem mais informações sobre o assunto.

Os bate-papos são parte do “Quarantine Watch Parties”, evento no qual membros das produções se reúnem online com fãs, para discutirem detalhes e curiosidades das produções, bem como material inédito de bastidores, enquanto assistem aos títulos. Um dos assuntos abordados diz respeito a planos iniciais para determinados personagens, mas que não chegaram à edição final.

O primeiro deles foi a quase aparição da Tropa Nova em Vingadores: Guerra Infinita. Os roteiros iniciais trariam a invasão de Thanos ao planeta Xandar para pegar a Joia do Poder, protegida pela equipe intergaláctica.

Cena de 'Vingadores: Guerra Infinita'Cena de 'Vingadores: Guerra Infinita'Fonte:  IMDb/Reprodução 

Nesse caso, Richard Rider, um dos personagens da Marvel a assumir o nome Nova, iria chegar à Terra para levar a mensagem da inevitável chegada do vilão. Porém no corte final a cena foi modificada, e Hulk (Mark Ruffalo) assumiu essa função.

McFeely também apontou que a introdução dos Guardiões da Galáxia poderia iria ser muito mais desenvolvida. Ele ressaltou a grande quantidade de material gravado sobre a equipe após resgatar Thor (Chris Hemsworth), mas que precisou ser editada por conta da duração do filme. Além disso, James Gunn foi consultado sobre a decisão de matar Gamora e comentou que isso não iria influenciar os planos para a 3ª aventura do grupo.

O roteirista ainda comentou que havia muitas outras versões do resgate do Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), após ele ser conduzido ao espaço pelo Fauce de Ébano (Tom Vaughan-Lawlor). Em um dos casos, Tony (Robert Downey Jr.) enviaria sua armadura de nano tecnologia para o Mago Supremo utilizá-la. O resultado seria Strange com a armadura do Homem de Ferro, porém, no lugar do reator Arc, estaria o Olho de Agamotto. Confira uma imagem de bastidores sobre o visual não utilizado:

O retorno do Caveira Vermelha

Para os roteiristas, a intenção de trazer de volta um personagem marcante como o Caveira Vermelha estaria relacionada com a importância que ele teve nos primeiros 10 anos de filmes do estúdio. Ainda revelaram o interesse em fazer com que Steve Rogers (Chris Evans) se reencontrasse com o vilão em Vormir. Contudo, a ideia foi abandonada por acharem que não haveria sentido no fato de o Capitão América estar naquele local.

A dupla concluiu que era necessário dar uma resposta sobre o destino incerto do vilão após Capitão América: O Primeiro Vingador (2011). Porém deixaram em aberto a possibilidade de seu retorno em histórias futuras.

Também apontaram que a versão adaptada do Professor Hulk — que trouxe a sincronia da fusão dos poderes do Gigante Esmeralda com a personalidade de Bruce Banner — foi originalmente pensada para aparecer no 1º filme.

Uma nova versão do Hulk foi apresentada em 'Vingadores: Ultimato'Uma nova versão do Hulk foi apresentada em 'Vingadores: Ultimato'Fonte:  IMDb/Reprodução 

Na cena gravada, haveria uma discussão de Banner com o Hulk para combinar esse acordo, por meio do surgimento desse último pela Hulkbuster. Apesar da atuação de Ruffalo, a cena não funcionou e foi alterada para estrear em Vingadores: Ultimato.

Markus ainda comentou que a frase de Thanos “eu ignorei meu destino uma vez” era uma referência ao fracasso de não ter salvado o planeta Titan. Anteriormente, foi divulgada uma arte conceitual do personagem em sua juventude no seu lar, mas que acabou não utilizada no filme. Devido à ligação de Thanos com o enredo do longa Os Eternos, a versão mais jovem do vilão pode ter sido guardada para aparecer nessa nova produção.

Uma nova líder para os Vingadores?

McFeely disse que o tempo de tela da Capitã Marvel (Brie Larson) foi pensado para ser exatamente como chegou ao público final. Também apontou que o momento não foi pensado para dar a ela destaque além do exposto.

“O objetivo de Ultimato sempre foi de valorizar os Vingadores originais, ao passo em que nos despedimos deles”. Entretanto, é especulado que após a saída de alguns daqueles membros, Carol Danvers possa assumir o posto de líder e certamente será mais desenvolvida no futuro.

Em um momento de descontração, os diretores revelaram que as próteses do “Thor Gordo” pesavam mais de 30 quilogramas. Com isso, o ator teve problemas nas costas no final das filmagens.

O 'Thor Gordo'O 'Thor Gordo'Fonte:  IMDb/Reprodução 

Ainda sobre essa versão do Deus do Trovão, a cerveja que ele consumia em algumas partes do longa era de uma cervejaria local da Geórgia. Como Joe Russo e membros da equipe adoraram a bebida, decidiram incluí-la no filme.

Decisões complexas

Ao serem questionados sobre qual foi o personagem mais difícil de escrever, os roteiristas destacaram a Viúva Negra (Scarlett Johansson) como resposta, pelo fato de ela ser muito reservada e misteriosa.

Já quando perguntados sobre a cena de maior complexidade, consideraram aquelas que envolviam viagem no tempo. Para essas montagens, a produção inclusive se reuniu com físicos para discutir aspectos sobre o assunto.

Um rascunho inicial do roteiro levaria Thor e Homem de Ferro para Asgard, em busca das Joias da Realidade e do Espaço. Nessa situação, Tony usaria uma armadura invisível — apresentada nas HQs do personagem em 1981 — e teria enfrentado Heimdall (Idris Elba).

Porém, a equipe criativa constatou que apesar de ser uma sequência interessante, não teria uma conexão emocional e, por isso, a ideia foi abandonada. Outra que foi descartada pelo mesmo motivo, seria uma luta de Nebulosa (Karen Gillan) e a Máquina de Combate (Don Cheadle) contra um gigantesco monstro do mar.

Nebulosa e Máquina de CombateNebulosa e Máquina de CombateFonte:  IMDb/Reprodução 

Ainda foi deixado de lado o fato de Nebulosa utilizar a Manopla do Infinito, assim como nos quadrinhos. Entretanto, o grupo decidiu diminuir o peso da cena do sacrifício de Tony.

Sobre o último filme, ao falar de outra curiosidade, Markus comentou que Steve Rogers não era digno de levantar o Mjolnir em Vingadores: Era de Ultron (2015), pois ele ainda escondia segredos quanto aos pais de Tony. Com isso, os roteiristas encontram o momento ideal para o evento apenas em Vingadores: Ultimato.

Robert Downey Jr. ainda compartilhou partes de uma conversa com o diretor Paul Thomas Anderson (O Mestre) sobre o último filme dos Vingadores. O aclamado cineasta revelou que gravou reações de fãs enquanto assistia ao longa para lembrar do “poder do cinema” e de seu aspecto unificador.

Afinal, os Irmãos Russo irão voltar?

Por fim, de forma breve, Joe Russo falou se a dupla retornaria para outro filme do Marvel Cinematic Universe (MCU). “Tivemos uma experiência incrível, criativa e emocionalmente. É apenas uma questão de tempo e quando [encontrarmos] o material certo”, comentou o diretor, ao aquecer as esperanças dos fãs sobre um possível grande evento adiante.

Vingadores: Irmãos Russo revelam novos segredos da saga