Os Novos Mutantes: filme terá cenas de representatividade LGBT+

1 min de leitura
Imagem de: Os Novos Mutantes: filme terá cenas de representatividade LGBT+
Avatar do autor

Josh Boone, diretor de Os Novos Mutantes, conversou com a Entertainment Weekly sobre o filme e confirmou que haverá um casal LGBT+. Rahne Sinclair, a Lupina (Maisie Williams), e Danielle Moonstar, a Miragem (Blu Hunt) terão um arco paralelo à história, que segundo Boone, será “uma linda história de amor”.

O diretor também confirmou que este não será o tema central do filme, que terá diversos elementos de terror. Maisie Williams comentou que o longa trata o tema com naturalidade, sem que a sexualidade das duas personagens seja questionada durante o filme.

“Rahne e Dani têm uma conexão telepática nos quadrinhos, então só queríamos estender isso no filme e colocar isso na realidade”, explica a atriz. “Não é realmente uma história sobre essas duas personagens entenderem sua sexualidade. Não é centrado nisso e ninguém as rotula. Ninguém realmente questiona isso [no filme]”.

Maisie Williams e Blu Hunt (Fonte: IMDb/Reprodução)
Maisie Williams e Blu Hunt (Fonte: IMDb/Reprodução)

Este será o segundo casal LGBT+ em um filme da Marvel. Em Deadpool 2, Míssil Adolescente Megassônico e Yukio também foram apresentadas como um casal, sem que isso afetasse a trama. Dentro do MCU, o tema também será abordado este ano em Os Eternos.

Os Novos Mutantes é inspirado no arco do Urso Místico, apresentado nos quadrinhos durante a década de 1980, criada por Chris Claremont e ilustrada por Bill Sienkiewicz. Boone, além de dirigir também assina o roteiro ao lado de Knate Lee. O elenco conta ainda com Anya Taylor-Joy (Magia), Charlie Heaton (Míssil) e Henry Zaga.

Inicialmente previsto para estrear em abril de 2018, Os Novos Mutantes chega aos cinemas no dia 2 de abril de 2020.

Fontes

Os Novos Mutantes: filme terá cenas de representatividade LGBT+