Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica: o que os críticos estão dizendo

2 min de leitura
Imagem de: Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica: o que os críticos estão dizendo
Avatar do autor

A nova animação da Pixar, Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica, chega aos cinemas no dia 5 de março, e as primeiras críticas já estão disponíveis. Confira o que alguns dos principais veículos de imprensa estão falando sobre o filme.

(Fonte: IMDb/Reprodução)
(Fonte: IMDb/Reprodução)

Ben Travis - Empire

Certos filmes da Pixar — WALL-E e Divertida Mente — são inovadores. Dito isso, o 22º filme do estúdio de animação não faz nada tão grandioso quanto homenagear o cinema mudo ou mudar para sempre a maneira como pensamos sobre nossas emoções. Não é nem tão emocionante quanto Toy Story 3 ou Viva: A Vida é uma Festa. Mas, sob todos os aspectos, é a Pixar pura e perfeita — um filme com tanto calor, humor inteligente e energia criativa que é uma grande alegria passar algumas horas na presença dele.

Steve Rose - The Guardian

A história se esconde maliciosamente em questões de relacionamentos masculinos — tanto fraternos quanto paternos. Os personagens dos irmãos se aprofundam consideravelmente à medida que descobrem e revelam pontos fortes e suas vulnerabilidades. Mas, embora esse tipo de relacionamento seja frequentemente tratado em contos de fadas protagonizados por mulheres, para os personagens masculinos esse ainda é um território relativamente pouco explorado. Sob as aparências de arte da fantasia, Dois Irmãos encontra um pouco dessa velha magia da Pixar.

Eric Kohn - IndieWire

Sua engenhosidade começa nos minutos iniciais com uma montagem concisa que estabelece um cenário notável entre algo entre Harry Potter e Como Treinar o Seu Dragão. Dois Irmãos não reinventa a roda, mas a gira tão bem que evoca um feitiço à medida que uma nova década se inicia com o toque da Pixar intacto.

Matt Singer - ScreenCrush

A viagem de Ian e Barley começa de forma irregular. Porém, quanto mais próximos os garotos estão do prêmio, mais a Pixar se aproxima da qualidade especial de seus melhores filmes, que abrigam uma linda animação com aventuras emocionantes e arcos de personagens profundamente emocionais.

Kristy Puchko - IGN

O cineasta Dan Scanlon criou uma aventura que voa alegremente com seus elementos de fantasia, mas nunca perde o contato com seu conto de família. Ele tem um ritmo sensacional, que cria uma aventura animada e mantém o público na beira de seus assentos através de um desfile de sequências de ação audaciosas. Ao todo, é um conto incrivelmente divertido, cheio de humor, paixão e alusões que certamente encantarão os fãs de fantasia.

David Rooney - The Hollywood Reporter

Essa aventura de fantasia será um entretenimento perfeitamente agradável para muitas crianças. Mas falta magia contagiosa. Qualquer promessa de originalidade alimentada no início pela divertida visão de unicórnios farejando lixo subterrâneo, se dissipa rapidamente à medida que a jornada dos irmãos se inicia. Seu progresso marcado por piadas prontas, acontecimentos previsíveis, encontros com personagens que muitas vezes se parecem com preenchimento de enredo e lições de vida.

Molly Freeman - Screen Rant

Embora Dois Irmãos possa não ser o filme mais forte da Pixar, ele ainda oferece tudo o que os fãs esperam de um filme de animação produzido pelo estúdio. Pode se tornar um novo favorito da Pixar para alguns espectadores, mas não deixará um impacto duradouro em muitos outros. No final, Dois Irmãos se mostra como um filme de aventura encantadoramente mágico e genuinamente sincero que certamente irá divertir toda a família.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica: o que os críticos estão dizendo