Novos serviços de streaming vão lançar episódios semanalmente

1 min de leitura
Imagem de: Novos serviços de streaming vão lançar episódios semanalmente
Avatar do autor

Os novos serviços de streaming como o Apple TV+, o Disney+ e o HBO Max não devem lançar todos os episódios das suas séries de uma vez. Segundo o IndieWire, o formato de lançamento semanal pode se tornar padrão novamente, estimulando o público a criar o hábito de ver sempre nos mesmos dias.

"Sucessos da HBO como Succession e Chernobyl se tornaram parte do zeitgeist com um cronograma semanal de lançamentos, em vez de desaparecer rapidamente após uma estreia de sucesso", explicou Kevin Reilly, chefe de conteúdo da HBO Max.

Succession (Fonte: IMDb/Reprodução)
Succession (Fonte: IMDb/Reprodução)

Para Daniel Ives, analista da Wedbush, novos serviços de streaming como o Apple TV+ e o Disney+ não têm muita opção, senão lançar os episódios semanalmente. Ele acredita que com pouco conteúdo original, uma vez que o público terminasse todos os episódios, não haveria motivação para que as pessoas retornassem ao serviço.

"Nesta corrida armamentista de conteúdo, há muita pressão para lançamentos semanais, especialmente para novos programas", disse Ives. "Eles estão divulgando seu conteúdo original porque, no momento, não têm combustível nesse mecanismo".

Já Jimmy Schaeffler, CEO da consultoria de mídia The Carmel Group, lembra da importância que os episódios semanais tiveram para Game of Thrones ter se tornado um enorme sucesso de público. Além de prolongar a discussão sobre uma série, episódios semanais também recebem divulgação boca-a-boca.

The Mandalorian (Fonte: IMDb/Reprodução)
The Mandalorian (Fonte: IMDb/Reprodução)

"Eles estão testando o consumidor para ver se o retorno às formas tradicionais de ter uma série semanal gera empolgação e expectativa de uma boa porcentagem da audiência", disse Schaeffler. "Se você tem pessoas conversando entre si nas mídias sociais ou em reuniões sobre a próxima semana de uma série, você tem um ótimo boca a boca."

Mas ele lembra que o público se acostumou a ter autonomia na maneira como assiste às séries, e obrigar um consumo semanal pode gerar conflito com parte da audiência a longo prazo. "As pessoas gostam de ter escolha, e livrar-se dessa escolha agora é um grande risco", disse Schaeffler. "Há um segmento do público que gosta de ser compulsivo e, se você não permitir, eles assistirão a outra coisa até puderem assistir ao seu conteúdo".

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Novos serviços de streaming vão lançar episódios semanalmente