PewDiePie desiste de doação de US$ 50 mil para Liga Anti-Difamação

1 min de leitura
Imagem de: PewDiePie desiste de doação de US$ 50 mil para Liga Anti-Difamação
Avatar do autor

Recentemente, Felix “PewDiePie” Kjellberg havia comunicado que iria fazer uma doação de US$ 50 mil (cerca de R$ 200 mil) para a Liga-Anti Difamação, um grupo de advogados que combate o antissemitismo, mas acabou desistindo da ideia após ouvir a opinião de seus fãs.

A doação em questão seria uma tentativa de se afastar ainda mais da imagem que acabou sendo associada a ele após o ataque no qual um terrorista matou 50 pessoas em uma mesquita na Nova Zelândia. Nesse episódio, o atirador pediu para quem estava acompanhando o vídeo para se inscrever no canal de PewDiePie antes de começar a atirar.

Entretanto, seus seguidores acabaram criando diversas teorias da conspiração por conta desse episódio, tendo em vista que anteriormente o criador de conteúdo havia feito algumas brincadeiras envolvendo judeus – uma delas, inclusive, fez com que ele perdesse seu patrocínio da Disney.

(Fonte: Youtube/Reprodução)

Segundo o youtuber, as pessoas perceberam na hora que havia algo errado com a doação, algo que contribuiu para que ele desistisse da caridade. "Quando eu enviei o vídeo falando sobre a caridade, foi muito vago. As pessoas perceberam que havia algo ali. A internet toda simplesmente não acreditou. 'Por que ele está doando para a caridade? Olha para a cara dele.' 100% teoria da conspiração", disse Felix.

"Quando planejamos a colaboração, nós pensamos que doar para a caridade seria uma forma legal de celebrar [100 milhões de inscritos]. Eu cometi o erro de escolher uma instituição que me aconselharam em vez de escolher uma que realmente tenho carinho, algo que é 100% a minha culpa", explicou por fim o youtuber.

PewDiePie desiste de doação de US$ 50 mil para Liga Anti-Difamação via Voxel

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
PewDiePie desiste de doação de US$ 50 mil para Liga Anti-Difamação