Como foi realizada a luta de Capitão América em Vingadores: Ultimato?

1 min de leitura
Imagem de: Como foi realizada a luta de Capitão América em Vingadores: Ultimato?
Avatar do autor

Para contar uma das histórias em quadrinhos mais épicas já apresentadas, Vingadores: Ultimato precisou de muitos efeitos visuais. Desde a criação de personagens como Thanos e o Professor Hulk até cenas inteiras de ação foram compostas por elementos digitais.

Uma dessas sequências demandou um desafio peculiar: a luta entre o Capitão América do presente e o Capitão América do passado exigiu que Chris Evans fosse representado duplamente em cena.

No YouTube, a Marvel divulgou um vídeo contando mais detalhes sobre a realização dessa sequência. O supervisor de efeitos visuais, Dan DeLeeuw, contou que as gravações partiram de um modelo tradicional, mas com alguns ajustes. "Nas várias vezes em que filmamos lutas, primeiro você grava o combate com dois dublês para depois trazer Chris Evans para rodar seu lado da briga. Porém,. neste caso, ele filmou os dois lados", revelou Dan.

Capitão América versus Capitão América. (Fonte: Marvel/Divugação)

O produtor contou que, inicialmente, a cena foi filmada com os personagens sem o capacete, mas quando começaram a testar a cena, viram que as pessoas estavam se confundindo com os dois Steve Rogers. Então, com o CGI eles optaram por adicionar a máscara no Capitão América do passado.

“Primeiro, filmamos a cena sem o capacete no traje do Capitão América antigo, mas quando começamos a testar o filme, as pessoas estavam se perdendo entre qual herói é qual, porque o antigo tinha apenas uma cicatriz pequena após a batalha de Nova York”.

As únicas coisas reais nessa sequência são os dois atores diferentes interpretando o Capitão América, o uniforme de super-herói (a maior parte dele), um conjunto de escadas e o chão abaixo deles. O restante é tudo falso, construído com computação gráfica.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Como foi realizada a luta de Capitão América em Vingadores: Ultimato?