Imagem de: Netflix promete reduzir cenas com gente fumando em suas atrações

Netflix promete reduzir cenas com gente fumando em suas atrações

1 min de leitura
Avatar do autor

Embora já estejamos livre de cigarros em áreas fechadas e uma mudança cultural deixa seus males muito mais evidente, ainda há muita veiculação de pessoas fumando no entretenimento. Em uma pesquisa realizada pelo grupo Truth Initiative em 2018, foram encontradas 1.209 “representações de tabaco” na programação de streaming entre 2016-2017. A Netflix foi a campeã de exibições, com um total de 886.

Quem viu as prévias de Stranger Things, que estreia hoje sua 3ª temporada, já viu na série vários personagens tragando um cigarrinho, seja Joyce (Winona Ryder), o delegado Hopper (David Harbour) ou o prefeito Kline (Cary Elwes). Tudo bem que o seriado representa como as pessoas agiam na época, mas é mesmo muita fumaça por capítulo.

netflixFonte: Deadline/Reprodução

A Netflix adiantou que vai reduzir esse fumacê. "No futuro, todos os novos projetos que encomendamos com classificações abaixo de 14 anos para séries e inferiores a 13 anos para filmes não terão cenas com cigarros normais ou eletrônicos — exceto por razões de precisão histórica ou factual."

O presidente do Truth Initiative destacou a tendência negativa. “O conteúdo se tornou o novo comercial de tabaco. Estamos vendo um ressurgimento generalizado das imagens de tabagismo nas telas, que glamourizam e normalizam a dependência mortal e colocam os jovens na mira da indústria do fumo.”

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Netflix promete reduzir cenas com gente fumando em suas atrações