Google anunciou que está fechando seu estúdio de filmes imersivos Spotlight Stories. A informação foi divulgada por e-mail pela produtora executiva Karen Dufilho, responsável pela equipe. “O Google Spotlight Stories está fechando suas portas depois de 6 anos fazendo histórias e as colocando em celulares, telas, realidade virtual e em qualquer outro lugar onde tivéssemos a chance”, afirmou.

Embora a companhia não tenha revelado mais informações oficiais sobre o caso, a Variety apurou que os funcionários do estúdio receberam a chance de procurar outras posições dentro do Google. No entanto, a maioria da equipe que trabalhava no Spotlight era contratada temporariamente, variando dependendo da demanda.

O Spotlight Stories foi criado originalmente dentro da Motorola como uma forma de explorar o potencial de curtas-metragens em 360 graus e dispositivos de realidade virtual. Ele foi absorvido pelo Google quando a empresa comprou a Motorola em 2011 e continuou produzindo filmes dentro da nova empresa.

No total, foram 13 produções criadas ao longo desses anos, incluindo uma parceria com Justin Lin, diretor da franquia “Velozes e Furiosos”. Uma das criações mais bem-sucedidas do estúdio foi “Pearl”, que venceu um Emmy e chegou a ser indicado ao Oscar de Melhor Curta-Metragem de Animação.

Outros destaques incluem uma abertura especial de “Os Simpsons” comemorando 600 episódios da série e um tie-in recente com “Ilha de Cachorros”, do diretor Wes Anderson. Você pode assistir aos filmes do Spotlight Stories no canal oficial do estúdio no YouTube.

Cupons de desconto TecMundo: