O último domingo (26) foi marcado por um evento trágico para o mundo dos eSports e games em geral. Durante um torneio de Madden NFL 19 realizado no GLHF Game Bar em Jacksonville, Flórida, um atirador disparou contra os participantes e o público, resultando em 3 mortos e 11 feridos.

Segundo as autoridades responsáveis pelo caso, o atirador é David Katz, de 24 anos, que tirou a própria vida após realizar os disparos. Aparentemente, ele era um dos competidores do torneio e tinha certo renome na cena competitiva de Madden, tendo conquistado o Madden NFL 17 Bills Championship — as motivações para o crime ainda não foram esclarecidas.

Empresas lamentam o ocorrido

O torneio onde ocorreu o incidente estava sendo transmitido ao vivo pelo Twitch, que registrou o áudio do momento em que o tiroteio começou — o material já foi retirado do ar pelos organizadores, mas ainda circula por redes sociais. Empresas como Electronic Arts, DICE, Bethesda, Twitch, NFL e Electronic Arts publicaram mensagens lamentando a tragédia em suas redes sociais.

O prefeito de Jacksonville, Lenny Curry, fez um pronunciamento à imprensa afirmando que agências locais, estaduais e federais estão trabalhando em conjunto para solucionar o caso. Durante seu pronunciamento, ele também lamentou que situações do tipo infelizmente estão se tornando “comuns demais”.

Via Voxel

Tiroteio em torneio de Madden resulta em 3 mortes na Flórida via Voxel

Cupons de desconto TecMundo: