O conglomerado Comcast NBC/Universal fez, como esperado, uma proposta para aquisição dos ativos da 21st Century Fox, oferecendo US$ 65 bilhões ao grupo. O valor supera a quantia declarada pela Disney para a compra de companhias da Fox, que inclui os estúdios 20th Century Fox e Twentieth Century Fox Television, além de canais da TV a cabo como o FX Networks e o National Geographic.

No final do ano passado, a Disney havia fechado um acordo com a Fox no valor de US$ 52 bilhões. A proposta da Comcast supera em 24% essa valor, obrigando a diretoria da Fox a reanalisar e reconsiderar as ofertas.

“Há muito tempo admiramos o que a família Murdoch construiu na Twenty-First Century Fox", disse a Comcast em uma carta à diretoria da 21st Century Fox. "Depois de nossas reuniões no ano passado, saímos convencidos de que os ativos da 21st Century Fox a serem vendidos são complementares aos nossos e que nossa empresa seria o lugar estratégico correto para eles”.

E agora?

A Comcast estava esperando o resultado da análise federal sobre o caso da compra da Time Warner pela AT&T. Com a aprovação da transação nessa terça-feira (12), a companhia se sentiu segura para fazer sua oferta bilionária pela compra de parte da 21st Century Fox.

Três logos.

“Também estamos altamente confiantes de que nossa proposta é tão ou mais propensa a receber a aprovação regulamentar do que a oferta da Disney”, declarou a Comcast.

A Disney pode propor um novo valor à Fox para compensar a argumentação da Comcast. Enquanto isso, o grupo Fox tem marcado um encontro da diretoria no próximo dia 10 de julho para analisar esse processo de venda de seus ativos. Quem será que vai levar a melhor?

Relembre o caso

Via Minha Série

Cupons de desconto TecMundo: