O filme “2001 – Uma Odisseia no Espaço” é um dos maiores clássicos da história do cinema. Com cenas icônicas, que são motivos de análise até os dias de hoje, o filme é envolto em idolatria e até conspirações! Na segunda-feira, dia 2 de abril de 2018, o longa-metragem irá completar 50 anos de sua première mundial, em Washington. Aqui no Brasil, ele foi lançado oficialmente poucas semanas depois, em 29 de abril de 1968.

Para comemorar seu meio século de existência, confira algumas curiosidades de “2001”

1. O autor Arthur C. Clarke, que escreveu o livro original e o roteiro do filme, disse que Stanley Kubrick tentou conseguir – sem sucesso – uma apólice de seguro para o caso de a vida extraterrestre inteligente ser descoberta antes de ele lançar o filme

2. O material total das filmagens tem duração 200 vezes maior do que o longa-metragem

2001

3. Durante as filmagens, o longa era chamado de “Voyage Beyond the Star” (algo como “Viagem Além das Estrelas”). Só que após “Viagem Fantástica” (“Fantastic Voyage”) ser lançado em 1966, Kubrick quis que o seu filme não lembrasse em nada esse outro, que ele considerava ruim

4. O filme tem duração total de 149 minutos, sendo que 88 deles não possuem diálogos nenhum! Os primeiros 25 minutos, os últimos 23 e outros pedaços no meio são “apenas” contemplativos

5. A banda Pink Floyd quase ficou a cargo da trilha sonora do filme, desistindo por conta de outros compromissos

6. Antes de optar por mostrar atores vestidos de macacos, Kubrick cogitou em uma representação do homem primitivo de uma forma muito mais humana. Porém, isso exigiria nudez e acabaria deixando a classificação etária mais elevada

2001

7. HAL 9000 nunca disse “Good morning, Dave”, apesar de muita gente citar essa como uma das frases do filme

8. O filme foi lançado um ano antes de o homem chegar à Lua, algo que incendiou as teorias de conspiração de que, na verdade, a conquista científica não passou de mera maquiagem hollywoodiana

2001

9. Nas cenas espaciais, só se ouve a trilha sonora e nada mais. O motivo? Bem, o som não se propaga no espaço...

10. O computador HAL quase se chamou Athena e teve uma voz feminina

2001

11. Na primeira sessão do filme, mais de 240 pessoas se levantaram e saíram do cinema, incluindo o astro Rock Hudson que reclamou de não entender a produção. Arthur C. Clarke respondeu com: “Se você entende ‘2001’, então nós falhamos completamente”

12. Com custo de US$ 12 milhões, o filme arrecadou US$ 56 milhões em solo norte-americano, mas demorou a engrenas nas bilheterias: o fenômeno boca a boca, principalmente entre os jovens, ajudou a fazer o filme se popularizar. Quase que ele saiu de cartaz antes de a rapaziada poder assisti-lo sob efeitos de alucinógenos

2001

13. O documentário animado “The Universe”, feito no Canadá em 1960, foi a maior inspiração de Kubrick, que cogitou chamar “2001” de “Universe”. O diretor inclusive contratou o narrador do filme canadense para fazer a voz do HAL 9000! O curta de 28 minutos foi indicado ao Oscar

14. O monólito icônico do filme foi feito de madeira pintada com tinta na cor grafite

2001

15. Todos os macacos foram interpretados por mímicos. Kubrick até fez testes com atores, dançarinos e comediantes, mas foram os mímicos que mais o impressionaram

16. Quando HAL é desativado, ele está cantando a música “Daisy Bell”, uma referência de Arthur C. Clarke à sua visita à Bell Labs, no começo dos anos 60, para ver o funcionamento do computador IBM 704, que cantava a mesma música. Isso alimentou a teoria de que HAL é uma referência à IBM, já que a sua sigla utiliza letras exatamente anteriores no alfabeto (H-I, A-B, L-M)

2001

50 anos de “2001”: 16 curiosidades sobre o clássico de Kubrick via Mega Curioso

Cupons de desconto TecMundo: