A franquia Angry Birds continua bem-sucedida mundo afora porque costuma trazer atualizações periódicas de sua clássica forma de jogar. Agora, o derivado Angry Birds Champions promete revitalizar a tradicional modalidade “estilingue” com uma oferta tentadora: você poderá competir com outros participantes ao redor do mundo em campeonatos valendo dinheiro.

A novidade por enquanto está disponível apenas para iOS, via plataforma Worldwinner, que já monetiza jogatinas de Wheel of Fortune, Solitaire, Scrabble e Trivial Pursuit. Para entrar na disputa multiplayer, você precisa se cadastrar nos torneios pagando uma inscrição, via cartão de crédito, com valores a partir de US$ 0,88 (R$ 2,87, sem taxas) e premiação que começa em US$ 1,30 (R$ 4,25).

A fórmula coloca dois oponentes de habilidades semelhantes em uma disputa de três rounds pela melhor pontuação, em dois modos. O Best Of contabiliza somente a melhor soma de uma rodada, enquanto o Progression prevê o total do seu desempenho no confronto.

WorldWinner quer transformar Angry Birds Champions em eSport

Como pelo menos dez localidades nos Estados Unidos proíbem esse tipo de competição e muitos associam até mesmo essa fórmula como “jogo de azar”, os desenvolvedores da plataforma afirma estar sempre de olho nas leis para não oferecer algo ilegal — é preciso ter acima de 18 anos para participar.

Além disso, a intenção, segundo eles, é transformar o Angry Birds Champion e outras derivações em torneios de habilidade já aceitos em diversas frentes de eSports, com expectativa de adesão de milhares de jogadores. "Nossa expectativa é de atingirmos todos os nossos objetivos de lançamento nesta semana. E isso tornaria rapidamente (o Angry Birds Champions) um dos nossos jogos de melhor desempenho, o que colocaria milhares de jogadores participando em um mesmo dia”, projeta Jeremy Shea, executivo do WorldWinner, em entrevista ao Engadget.

Cupons de desconto TecMundo: