A Suécia está usando situações simuladas em realidade virtual para ajudar militares a lidar melhor com civis em situações de conflito. A ideia é ajudar os soldados a encarar melhor situações em que são liderados por órgãos internacionais como Nações Unidas, OTAN e similares, quando há necessidade de se adaptar a uma realidade substancialmente diferente – só que sem colocar vidas em risco.

Os treinos são conduzidos no centro de treinamento do exército sueco, o chamado Centro Internacional das Forças Armadas Suecas (SWEDINT), e são feitos com militares, policiais e voluntários civis que trabalham de forma conjunta.

Algumas sessões envolvem realidade mista, envolvendo atores e reuniões simuladas em que civis tomam as rédeas de missões internacionais e fazem com que os militares precisem controlar seu ímpeto e também tem suas habilidades de percepção botadas à prova.

Mais do que treinar as reações, no entanto, um dos responsáveis pelo curso de realidade virtual do centro de treinamento explica que a intenção do treino é fazer com que os militares e os civis reflitam sobre suas próprias atitudes quando encarados com uma situação diferente do que estão acostumados: uma forma de percebes as discrepâncias entre como eles se percebem e a impressão que eles causam em outras pessoas.

Cupons de desconto TecMundo: