Uma pesquisa feita no Procon-SP mostrou que o órgão de defesa ao consumidor tem um ranking em que mostra que aparelhos eletrônicos representaram 30% das reclamações endereçadas em 2013. Desses 30% de reclamações, aparelhos celulares foram os produtos mais contestados no estado de São Paulo.

De acordo com o ranking do Procon-SP, a Motorola foi a empresa que mais desagradou os consumidores, com 419 registros, seguida da Nokia, com 239, Sony Mobile, com 82, Samsung, com 72 e LG, com 43.

As reclamações abordam a não entrega de produtos e defeitos de qualidade não solucionados em fase preliminar. De acordo com o órgão, o celular geralmente apresenta padrão de qualidade abaixo do esperado, com falhas de funcionamento. O problema se agrava com suporte técnico inadequado, com alegações frequentes e injustificadas de mau uso por parte do consumidor.

(Fonte da imagem: Reprodução/Procon-SP)

De todas as empresas reclamadas, a Motorola e a Nokia se destacaram pelo alto número de reclamações e baixo nível de problemas solucionados (60% e 30%, respectivamente), enquanto a Samsung foi a companhia que apresentou o maior número de solução de problemas, com 94% dos casos atendidos de maneira satisfatória.

Vale lembrar que a Motorola também liderou o ranking de reclamações do ano de 2012.

Cupons de desconto TecMundo: