Um estudo realizado pela empresa de auditoria e consultoria Price Waterhouse Coopers (PWC) mostra os motivos pelos quais os cinemas de todo o mundo têm sido cada vez menos procurados pelos consumidores. Segundo o que foi revelado pela empresa, o preço cobrado pelos ingressos de cinema tem sido um fator determinante para fazer com que muitos optem por não ir ao cinema.

Para grande parte dos entrevistados, os cinemas evoluíram bastante ao longo dos anos — com melhor qualidade de imagens, som mais bem definido, assentos mais confortáveis e uma série de outros detalhes —, mas isso ainda não é o suficiente para justificar o quanto custa a entrada em cada sessão, lembrando que a pesquisa foi realizada com consumidores norte-americanos.

A companhia de consultoria não acredita que isso seja o início de um “apocalipse” para a indústria cinematográfica, mas afirma que é preciso haver mudanças no mercado. De acordo com a PWC, algumas das saídas para isso seriam: programas de incentivo (assinaturas mensais e outros sistemas similares), noites de conteúdos especiais, foco de marketing no público de 18 a 34 anos e investir em conteúdos.

Entre os entrevistados, 87% afirmaram que pagariam uma quantidade determinada de dinheiro para que pudessem ter acesso ilimitado a filmes exibidos nos locais. Será que essa ideia de um “clube de cinema para assinantes” seria uma solução para levar os consumidores de volta às salas?

Cupons de desconto TecMundo: