Se você gosta de afirmar que a Terra é plana, que vacinas fazem mal para as crianças ou acredita em outras teorias da conspiração que obviamente são uma ofensa à boa prática da ciência, é possível que também não acredite que o homem chegou a pisar na Lua, assim como aconteceu com Neil Armstrong, o primeiro deles, em 1969, e outros 11 seres humanos que “supostamente” teriam tido esse privilégio.

Bom, cada um acredita naquilo que quer, mas em tempos de grande desinformação e fake news, todo cuidado é pouco na hora de acreditar ou não em certas coisas que se falam por aí. Seja como for, as pessoas que acreditam piamente que ninguém nunca chegou à Lua já se cansaram (ou não) de apresentar uma série de supostas evidências que provariam que tudo foi encenado para que os Estados Unidos cantassem vitória sobre a União Soviética durante a Corrida Espacial.

a

O mistério da Apollo 16

Acontece que agora uma nova imagem tornou-se a queridinha dos teóricos da conspiração e, segundo eles, prova de maneira cabal uma coisa diferente: o homem teria sim pisado na Lua, mas o que encontraram lá é muito mais assustador do que quem acredita que ninguém nunca esteve lá. Trata-se de um retrato tirado por um astronauta pertencente à missão da Apollo 16 que mostra outro astronauta, John Young, coletando amostras da superfície lunar com o que se parece com uma pá daquelas que usamos quando varremos a casa.

Além de uma base, seria possível também visualizar outros astronautas, muito mais do que os que realmente teriam ido até a Lua

O fundo borrado mostra a paisagem lunar monocromática e cheia de formações que se parecem com rochas, ou que pelo menos a informação oficial da NASA afirma ser pedras e formações típicas do satélite. Porém, o que os teóricos afirmam é que objetos vistos na foto, como a que está bem próxima ao capacete do astronauta John Young, são, na verdade, estruturas construídas artificialmente no solo lunar. Além de uma base, seria possível também visualizar outros astronautas, muito mais do que os que realmente teriam ido até a Lua.

Escondendo ETs

Para quem tem dúvidas, a NASA disponibiliza em seu site oficial imagens em 4K de toda a superfície da Lua

Essa imagem seria a prova que alguns teóricos estavam esperando há anos: para eles, a NASA estaria ocultando do público o fato de que a missão Apollo 16 teria descoberto sinais de vida extraterrestre na Lua, incluindo construções feitas lá por alguma civilização de outro planeta.

Para quem tem dúvidas, a NASA disponibiliza em seu site oficial imagens em 4K de toda a superfície da Lua, que por estar relativamente próxima de nós, é bem conhecida pelos astrônomos e pode ser retratada com câmeras com detalhes impressionantes. Ao que tudo indica, a única coisa artificial encontrada em solo lunar é lixo deixado pelas missões – mais exatamente 181 toneladas disso. E é apenas isso que os teóricos vão encontrariam lá.