Parece que Marte está ficando um pouco mais longe para a NASA. Há uns meses, a agência espacial comentou que não possuía orçamento suficiente para levar humanos ao Planeta Vermelho, agora, uma entrevista do vice-presidente dos Estados Unidos comentou sobre um novo foco: voltar para a Lua.

O sonho de ir até Marte ficou mais longe para a NASA

Mike Pence disse ao Wall Street Journal que os Estados Unidos precisam reafirmar a liderança na exploração espacial. "Isso significa estabelecer uma presença norte-americana renovada na Lua, uma meta de estratégia vital. E a partir do estabelecimento na Lua, os EUA serão a primeira nação a levar a humanidade para Marte", comentou.

Como Pence citou, o governo acredita que a Lua poderá servir como um ponto de partida para Marte, por isso o foco do estabelecimento. Vale notar que, correndo por fora, estão a Space X e a Virgin, que pretendem chegar em Marte até 2030.

Cupons de desconto TecMundo: