Andar com carrinho de brinquedo é algo que as crianças deixam de fazer à medida que vão crescendo. O principal motivo é obviamente o tamanho dos miniveículos, que acabam ficando pequenos demais para acomodar adultos desajeitados. Porém, o britânico John Bitmead não ficou satisfeito com essa situação.

Ele gastou mais de 1.000 horas de trabalho e com um investimento de pouco mais de US$ 7 mil (o equivalente a R$ 16,8 mil) decidiu criar um carrinho infantil em tamanho real. Construído em condições aprovadas pela legislação do país para trafegar nas ruas, o “carrinho de brinquedo” de Bitmead é capaz de atingir a velocidade máxima de 70 milhas por hora (o equivalente a 112 quilômetros por hora).