Um novo tipo de bateria, capaz de armazenar o dobro de energia dos modelos atuais pode chegar muito em breve aos nossos dispositivos portáteis. Batizada de bateria de estado sólido, elas já se encontram no mercado há algum tempo, como em certos tipos especiais de sensores, mas sempre foram muito caras para o uso em aparelhos mais cotidianos. Isso parece estar prestes a mudar.

Uma empresa chamada Applied Materials, uma das maiores fornecedoras mundiais de equipamento no ramo dos semicondutores, alega que eles podem tornar estas baterias bem mais baratas. Como consequência, poderíamos finalmente ter certos produtos eletrônicos como muito mais vida útil, de smartwatchs até carros elétricos.

Em bateria de estado sólido, os eletrólitos líquidos normalmente utilizados em baterias de lítio são substituídos por versões sólidas, que por sua vez permitem que os eletrodos convencionais sejam trocados por metais de lítio que podem armazenar muito mais energia. Jogando fora o líquido, também passamos a ter mais segurança, já que o material sólido não é inflamável, o que reduzirá os custos de mecanismos de resfriamento, especialmente nos carros elétricos.

Como criar este tipo de bateria

Segundo a Applied Materials, a única maneira de baratear a produção de baterias de estado sólido é com a deposição dos materiais necessários para sua criação sob grandes superfícies. Para se fazer eletrodos e eletrólitos de alta qualidade você deve depositar estes materiais em centenas de camadas diferentes, se certificando que não ocorram espaços entre elas, que poderiam gerar curtos.

“A coisa que está segurando a produção de baterias em estado sólido é o custo e o processo”, disse Andy Chu, o diretor de marketing da Applied. “Nós estamos tentando lidar efetivamente com estes problemas, para produzir esta bateria em massa”. Ele também diz que alguns parceiros já estão criando dispositivos com as baterias criadas por ele mas que por enquanto suas identidades são um segredo. A única coisa que ele pode afirmar é que muito em breve os primeiros wearables feitos com bateria sólida chegarão ao mercado.

A escolha por smartwatches e semelhantes, se deu porque o tamanho destes aparelhos acaba exigindo que as baterias sejam menores e de qualidade, por isso eles representam uma área vital para Applied Materials.

Cupons de desconto TecMundo: