(Fonte da imagem: Reprodução/9t5Google)

A foto acima mostra uma imagem que não se trata de uma figura artificial, mas sim de uma fotografia aérea de um memorial construído por amigos e parentes de passageiros e tripulantes de um avião derrubado em 1989 após a explosão de uma bomba em seu interior, levando 170 pessoas à morte. A obra foi concluída em 2007.

O voo UTA 722 estava indo da República Popular do Congo para Paris, na França, quando uma explosão fez com que a aeronave se rompesse acima do deserto do Saara. Investigações posteriores revelaram que a causa da queda foi uma bomba colocada no depósito de bagagens dianteiro.

Para homenagear os falecidos, uma associação das famílias das vítimas chamada Les Familles de l’Attentat du DC-10 d’UTA criou o incrível memorial. Foram cerca de dois meses para erguer a obra, que conta com pedras negras trazidas de mais de 64 km de distância, 170 espelhos partidos (cada um representando um dos mortos) e a asa direita da aeronave caída. Você pode ver a obra diretamente no Google Maps clicando aqui e conferir mais fotos na galeria abaixo.