Você certamente conhece o app de paquera Tinder. Ele é o mais famoso da atualidade, fazendo bastante sucesso na Google Play e também na App Store. Os desenvolvedores da ferramenta dizem que bilhões de encontros já foram iniciados através do app pelo mundo, mas nem todos os usuários são solteiros, como em teoria deveriam ser. Uma pesquisa feita pela GlobalWebIndex revela que, pelo menos, 42% dos usuários do Tinder estão comprometidos.

Dessa parcela, 12% declararam "estar em um relacionamento" e 30% disseram "ser casados". Naturalmente, essas informações não foram colhidas diretamente com o app, mas sim através de uma pesquisa realizada globalmente com internautas que afirmavam usar o app.

Fora isso, 70% dos pesquisados disseram usar outros apps de namoro além do Tinder, incluindo websites tradicionais, que não estão disponíveis em lojas de apps para smartphones. Apesar disso, o Tinder parece ser o meio de paquera digital com mais usuários engajados. 24% dos usuários estão pagando uma assinatura do Tinder para ter mais recursos. A média dos internautas como um todo é de apenas 6%.

Além disso, 83% dos usuários da plataforma podem ser considerados jovens, sendo que estão entre 16 e 34 anos de idade. Confira mais detalhes nos gráficos.

ATUALIZAÇÃO

Como essa pesquisa foi feita fora da base do Tinder, com internautas comuns que dizem usar a ferramenta, os desenvolvedores do app contestam. Confira a posição oficial do Tider sobre a pesquisas da GobalWebIndex.

“Os resultados desse pequeno estudo realizado com 681 pessoas no Reino Unido é uma descrição totalmente imprecisa da base de usuários do Tinder – essa empresa está fazendo suposições sem ter acesso algum aos dados reais dos nossos milhões de usuários em todo o mundo. Os fatos são os seguintes: a maior faixa etária no Tinder, representando mais da metade de toda nossa base de usuários, é de 18-24 anos, e mais de 93% nunca foram casados, de acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas do Reino Unido. Sem revelar dados dos nossos usuários, a simples lógica deveria mostrar que é simplesmente impossível que qualquer afirmação feita por terceiros seja verdadeira. A sua metodologia parece fundamentalmente falha.”

Cupons de desconto TecMundo: