Steve Jobs, CEO da Apple.

Fonte da imagem: Wikipedia

Reuters - O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, disse que a diretoria da empresa garantiu uma licença médica para que ele possa se concentrar em sua saúde.

O executivo Tim Cook, vice-presidente operacional da companhia, será o responsável por todas as operações da Apple no dia a dia, mas Jobs manterá o posto de presidente-executivo e continuará envolvido em grandes decisões estratégicas da companhia.

A licença médica foi solicitada pelo próprio Jobs, que não informou por quanto tempo ficará fora, embora tenha dito que espera "voltar o mais rápido que puder".

De novo?

Em 2009, Steve Jobs já havia solicitado afastamento temporário da Apple devido a um câncer de pâncreas, seguido de um transplante de fígado.

Não estão claras quais são os motivos pelos quais o CEO pediu a licença médica no início deste ano, entretanto, é provável que seja devido a algo relacionado aos problemas de saúde que enfrentou há mais ou menos dois anos.

Cupons de desconto TecMundo: