Visão geral da nova loja

Divulgação/Apple

Ontem, dia 6 de janeiro, foi lançada oficialmente a Mac App Store: a loja de aplicativos destinada a distribuir os softwares criados para o Mac OS X. Como era de se esperar, não demorou para que os fãs da Apple atualizassem seus computadores e corressem para conferir os aplicativos disponibilizados pela central de programas.

Prova disso são os números divulgados pela Apple. Com mais de mil aplicativos disponíveis (um número baixo, se comparado à disponibilidade de softwares para iPad e iPhone), em menos de 24 horas a Mac App Store já havia atingido a marca de 1 milhão de downloads (41 mil por hora, 694 por minuto, em média).

Crack pronto, mas não disponível

Um cracker conhecido com Dissident publicou notas em vários fóruns da internet afirmando que já conseguiu desbloquear a Mac App Store. Ou seja, ele já consegue baixar qualquer aplicativo sem que seja necessário pagar por isso. Por mais que alguns usuários comemorem, é importante saber que o Kickback (nome do aplicativo de desbloqueio) ainda não está disponível.

Dissident afirmou que só deve liberar o aplicativo para download após alguns meses, quando a App Store estiver “cheia de lixo” (palavras dele). Ele diz que, por enquanto, grande parte dos programas é de qualidade e pagar por eles é um incentivo para os desenvolvedores. Mas assim que começarem a surgir aplicativos ruins e muito dispensáveis, o Kickback será disponibilizado.

Cupons de desconto TecMundo: