Dessa vez, o plantão policial vindo da China não está na categoria de bizarrices. Segundo um post da polícia chinesa na rede social Sina Weibo, três homens foram presos em Beijing por envolvimento na produção e distribuição do malware Wirelurker.

O aplicativo malicioso infectou centenas de dispositivos móveis na China. Ele agia quando usuários Mac instalavam o software a partir de uma App Store falsa. De acordo com as autoridades chinesas, não há mais perigo, pois o site foi retirado do ar.

O trojan que infectou usuários iOS e Mac vinha do Maiyadi App Store, uma loja de aplicativos realmente suja: ela possuía mais de 400 aplicações OS X infectadas.

Já o WireLurker atacava dispositivos iOS por meio do Mac utilizando cabo USB. Ele foi descrito como "a nova era em malwares que atacam desktops e plataformas mobile da Apple". Pelo que se sabe, o WireLurker agia instalando diversos apps indesejados no aparelho infectado.

O malware foi baixado mais de 350 mil vezes. A Apple, em declaração, reforçou a ideia de que os usuários não devem fazer o download de apps fora de sua loja oficial.

Cupons de desconto TecMundo: