A época de lançamento de produtos é um período conturbado às fabricantes: apesar da realização dos mais diversos tipos de testes, equipamentos pioneiros ou hardwares atualizados, por exemplo, acabam por apresentar certas falhas quando submetidos a testes por parte dos consumidores. Mas seria possível atribuir o problema apresentado por um aparelho a um funcionário de um ponto específico da cadeia de produção de um smartphone?

Conforme explica Adam Santariano, jornalista do site Bloomberg Businessweek fascinado pelo programa de manutenção da Apple, a companhia fundada por Steve Jobs é capaz de atribuir as falhas apresentadas por um iPhone a um empregado determinado em função do número de série do aparelho.

Após a chegada do mobile a uma das estações de prestação de serviços técnicas (Genius Bar), o iPhone é encaminhado à Califórnia (EUA) por meio da companhia aérea FedEx. “Usando o número de série de cada dispositivo, a Apple pode atribuir o problema a um trabalhador específico de sua linha de produção”, explica Santariano. O tipo de conduta adotado pela Maçã sobre a identificação de uma falha atribuída a um encarregado de produção é desconhecida.

O iPhone 6 e o esperado iWatch vão apresentar problemas durante seus respectivos lançamentos? Acompanhe nossas atualizações e reserve o próximo dia 09 em sua agenda: a Apple vai conduzir um “evento especial” que será reportado pelo TecMundo na íntegra.

Cupons de desconto TecMundo: