Quem briga pela sua privacidade? (Fonte da imagem: Reprodução/EEF)

A Electronic Frontier Foundation publicou em seu site um levantamento que visa mostrar quais empresas de tecnologia estão comprometidas com a tarefa de proteger as informações pessoais de seus clientes junto aos órgãos governamentais norte-americanos.

O resultado, segundo a EFF, pode abalar os fãs da Apple. De acordo com o trabalho, a empresa da Maçã ficou atrás de serviços que são reconhecidamente criticados nesse sentido, como o Facebook, por exemplo.

O trabalho mostra que, dos seis quesitos avaliados, a Apple só cumpre a sua parte em um deles: “Lutar pelos direitos dos usuários no congresso”. Em outros, como “Divulgar relatórios de transparência” ou pelo menos “avisar aos usuários quando os seus dados forem enviados ao governo”, a companhia deixou a desejar.

Outras grandes empresas dos Estados Unidos também decepcionaram bastante. As operadoras de telefonia AT&T e Verizon, além da “rede social zumbi” MySpace e do portal Yahoo!, por exemplo, marcaram, no máximo, um ponto no levantamento.

A Electronic Frontier Foundation também trouxe uma boa notícia para quem curte os serviços da Google, pois a empresa cumpriu cinco dos seis quesitos discutidos pela EFF. Além disso, o Twitter foi ainda melhor e chamou a atenção de forma positiva ao conseguir marcar todas as “estrelinhas” no site. Caso queira conferir o relatório completo, clique aqui.

Cupons de desconto TecMundo: