Apple não facilita a vida de quem entrega dinheiro para a companhia. (Fonte da imagem: Reprodução/Financial Post)

O departamento jurídico da Apple não tem descanso. A Maçã está sendo processada novamente, mas, dessa vez, os próprios acionistas é que estão nervosos com a fabricante dos iPhones. Segundo apurou a Reuters, o fundo de gerenciamento conhecido como Greenlight Capital processou a empresa por discordar das políticas de liberação de capital para os acionistas da Apple.

Com isso, a Greenligth espera conseguir que companhia mude suas regras de liberação de capital a fim de facilitar a vida de quem possui ações da empresa. Basicamente, o fundo tenta alterar uma proposta interna da Apple para que a Maçã fique impossibilitada de emitir títulos preferenciais.

O empresário que gerencia do fundo, David Einhorn, disse à CNBC que vários acionistas da empresa ficariam felizes em receber seus rendimentos de 4% sem as complicações impostas pela Apple. Fora isso, segundo ele, a Maçã não poderia dificultar o acesso dos acionistas a um dinheiro que, de fato, é deles.

Cupons de desconto TecMundo: