(Fonte da imagem: Divulgação/Apple)

A Apple anunciou na última quarta-feira (23) seus resultados financeiros para o primeiro trimestre fiscal de 2013, que provam a dependência cada vez maior da empresa de aparelhos como o iPhone e o iPad. Segundo o relatório, somente 4,1 milhões de unidades dos computadores Mac foram vendidas durante o período, uma queda de 20% em relação ao ano anterior. Vale notar que o trimestre fiscal não corresponde exatamente aos três primeiros meses do ano "normal", já que ele também leva em conta os resultados obtidos durante os últimos meses de 2012.

Ao todo, a companhia vendeu 47,8 milhões de smartphones e 22,9 milhões de tablets durante os três meses abrangidos pelo relatório. Esses números reforçam os indícios de que a era dos PCs está passando e que cada vez mais pessoas se veem atraídas pela mobilidade e versatilidade proporcionada por dispositivos portáteis.

Segundo a Apple, no entanto, a queda no número de computadores se deve à demora que ela apresentou em disponibilizar novos modelos do iMac a seus consumidores — os últimos modelos saíram em novembro e dezembro de 2012, o que teria prejudicado suas vendas. Apesar do resultado desanimador, entre 300 mil e 400 mil produtos com a marca foram vendidos a cada semana durante o último trimestre.

Em uma declaração oficial, o CEO Tim Cook afirmou que a queda nas vendas também está relacionada a problemas com fornecedores de suprimentos. Segundo ele, não fossem esses problemas, a companhia teria registrado um desempenho substancialmente melhor.

Cupons de desconto TecMundo: