Apple Store em Long Island, EUA, onde a senhora Evelyn Paswall se acidentou (Fonte da imagem: Apple)

Meses atrás, comentamos a arquitetura transparente de uma das lojas da Apple que estava sendo inaugurada na França. Na ocasião, até mesmo escrevemos sobre a possibilidade de pássaros se chocarem contra as paredes translúcidas, já que isso é muito comum em centros urbanos. Porém, ninguém esperava que uma cliente fosse se machucar dessa forma.

De acordo com o a CNET, Evelyn Paswall, uma senhora de 83 anos, acabou quebrando o nariz ao ir de encontro com uma dessas portas de vidro, na saída da loja da Maçã em Long Island, nos Estados Unidos. Agora, o advogado da mulher exige que a acidentada receba uma indenização de 1 milhão de dólares.

Em entrevista para a rede de televisão CBS, o advogado alegou que a arquitetura moderna e descolada da loja pode ser apelativa para os consumidores de tecnologia, mas também oferece riscos à integridade física das pessoas. Entre as descrições dos valores exigidos pela senhora, estão cerca de US$ 75 mil apenas para despesas médicas. A loja se defende dizendo que possui adesivos brancos nas portas com o propósito de evitar esse tipo de acidente.

Cupons de desconto TecMundo: