(Fonte da imagem: Wikimedia Commons)
Reuters. Por Sinead Carew -
O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, que está em licença médica, vai abrir a conferência anual de desenvolvedores de aplicativos para o iPhone na próxima semana.

As ações da Apple subiam cerca de 1,5 por cento nesta terça-feira após a companhia informar que "Steve Jobs e a diretoria da Apple vão abrir" a conferência em 6 de junho.

O comunicado da empresa não deixou claro como será a aparição de Jobs ou se ele está retornando ao trabalho efetivamente.

A presença de Jobs, que sobreviveu a um cancêr no pâncreas, marcaria uma rara ocasião em que o empresário aparece em público desde que tirou sua terceira licença médica em janeiro.

Executivos da companhia têm dito que Jobs, que tem o crédito de ter resgatado a Apple de quase falir em 1996 depois de ter ficado 12 anos afastado da empresa que co-fundou, ainda se mantém envolvido em decisões estratégicas da corporação mesmo em licença médica.

Jobs subiu ao palco no começo de março em um evento de lançamento de produto da Apple e também participou de outros encontros, como um de líderes da indústria de tecnologia com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, em fevereiro.

Cupons de desconto TecMundo: