(Fonte da imagem: Reprodução/C/NET)

É normal que com o tempo o seu smartphone ou tablet fique mais lento, afinal são dezenas de apps que podem ser instalados e desinstalados, fotos e vídeos que preenchem o espaço dos aparelhos e diversos dados que vão se acumulando conforme o uso dos dispositivos.

Falando especificamente, o espaço interno ou de um SD Card pode se tornar um tipo de constante dificuldade se você não conseguir gerenciar os seus arquivos do melhor modo possível.

Para ajudá-lo nisso, nós listamos aqui três truques básicos que podem fazer com que seu smartphone ou tablet fique consideravelmente mais rápido com somente alguns passos, excluindo dados desnecessários para liberar mais espaço e, consequentemente, melhorando o desempenho do dispositivo. Vamos lá:

 1 – Arquivos de Download

(Fonte da imagem: Reprodução/C/NET)

O seu dispositivo Android contém inúmeras informações sobre você – inclusive, alguns dados salvos que você nem mesmo pode estar ciente. Diversos documentos que chegam por e-mails ou fotos que são baixadas por aplicativos são armazenadas nos aparelhos, mesmo em lugares que você pode não saber. Um jeito prático de liberar mais espaço nos gadgets é transferir esses arquivos constantemente para os serviços na nuvem, como Google Drive ou Dropbox, liberando espaço do dispositivo.

(Fonte da imagem: Reprodução/C/NET)

Contudo, se você não está certo sobre que tipos de dados estão vagando pelo interior do seu smartphone, aplicativos que gerenciam e procuram por dados podem ser utilizados para vasculhar o interior do dispositivo – um exemplo desses é o ES File Explorer File Manager, que você pode usar para localizar arquivos de internet. Você também pode acessar o Baixaki, especificamente na sessão de Gerenciadores de Arquivos (clique aqui).

2 – Fotos

(Fonte da imagem: Reprodução/C/NET)

As fotos ocupam muito espaço nos smartphones dependendo das especificações das câmeras (algumas imagens podem ultrapassar os 3 MB). Existem diversos apps que sincronizam automaticamente todas as fotos do seu celular com serviços na nuvem, fazendo com que o espaço que elas ocupam fique permanentemente livre (que tal baixar mais apps ou músicas?). Novamente, o Dropbox e o Google Drive são bons exemplos. De qualquer modo, é sempre bom ficar de olho nas imagens salvas e deletá-las continuamente para liberar espaço.

3 – Organizar dados de apps

(Fonte da imagem: Reprodução/C/NET)

Quando aplicativos são instalados, eles normalmente criam pastas que armazenam informações como as suas preferências de configuração, imagens diversas ou os logs de atividades. Contudo, existem outras informações que também são salvas. Por exemplo, ao assistir um vídeo no Instagram, o arquivo é salvo no cache do dispositivo para que quando você for vê-lo novamente ele carregue de modo mais rápido.

Porém nem todos esses arquivos você vai querer ver novamente, não é mesmo? Por isso, é interessante limpar esses dados de cache que são salvos constantemente no Android. Você pode fazer uso de inúmeros apps do gênero, como o 1Tap Cleaner (capaz de deletar todos os caches de uma só vez) e o Clean Master (que permite deletar os arquivos de cache e que sejam maiores de 10 MB). 

Cupons de desconto TecMundo: