Quando foi revelado durante a principal conferência do Google I/O 2015, o Android M ficou bastante tempo em evidência, mas nem assim foi possível revelar absolutamente tudo o que mudou no sistema operacional móvel — nem mesmo o nome da versão foi revelada ao público.

Rapidamente, muitos fãs que fizeram o download da versão prévia do Android M descobriram outras novidades que são adições boas e úteis ao desempenho geral do aparelho. Elas estão muito bem escondidas nas configurações do sistema e alteram visual e configurações, além de garantirem mais informações ao usuário.

Mesmo em modo Preview e apresentando diversos bugs e instabilidades, o Android M já mostra a que veio — e, abaixo, você conhece outras de suas armas.

1) Menus escuros

Os menus do Android agora podem ser mudados com a opção "Temas". Ela permite a alteração do tom de algumas parcelas do Android para a cor preta, o que ajuda você a economizar bateria e a não sofrer com muita luz ao acionar a tela durante a noite.

Para liberar essa aba, é preciso ganhar permissões de desenvolvedor no Android. Nas configurações, acesse o item "Sobre o telefone ou tablet" e toque repetidas vezes no item "Número da versão". Após a mensagem de liberação, volte uma tela, selecione "Opções do desenvolvedor" e depois "Temas". Fora "Claro" e "Escuro", há o modo "Automático", muda a cor de acordo com o horário do dia.

2) Gerenciamento de RAM mais completo

Agora também é possível saber se o seu dispositivo está consumindo memória RAM demais ou quais são os apps que mais atrapalham nesse quesito. Na janela de configurações, vá em "Apps" e toque no ícone dos três pontos na vertical para abrir as opções adicionais.

Selecione "Avançadas", depois "Memória" e confira o relatório completo do desempenho. Ao tocar em um app específico, você tem acesso a mais dados e pode forçar a parada das tarefas no sistema.

3) Desinstalação pela tela inicial

Se você utiliza o Google Now Launcher no seu Nexus, é possível fazer uma desinstalação expressa. Pra isso, selecione o ícone do app na tela inicial e arraste ele para o canto superior direito do display, onde surgirá a opção "Desinstalar".

4) Multitelas

O Android M começou a experimentar um recurso de multitelas, que divide o display em dois para que você trabalhe em várias coisas ao mesmo tempo. Esse recurso ainda não foi oficializado e exige um Nexus 9, conhecimentos avançados e a reinicialização do aparelho. É possível abrir até quatro apps, cada um em um quadrante, e utilizar a tela de apps recentes para organizar qual vai em qual canto.

Ainda não se sabe se a função será utilizada definitivamente na versão final do novo Android.

5) Teclado dividido

Junto com o experimento em multitelas, o Android M adicionou em segredo um teclado dividido. Ele é especial para tablets ou smartphones de telas grandes e permite que você alcance todas as teclas desejadas usando apenas os polegares para digitar.

Pra ativar, vá em "Configurar", "Idioma e entrada", "Teclado do Google" e "Aparência e layouts". Ative a opção "Teclado dividido" e abra alguma caixa de texto pra testar o novo recurso.

6) Backup de configurações de apps

Quase todos os dados e opções que você salvou e configurou em apps serão salvos automaticamente na sua conta Google. O backup desses recursos é ativado por padrão, acontece a cada 24 horas e vai para uma pasta no seu Google Drive sem gastar espaço no serviço.

Ele não exige nenhuma programação adicional do desenvolvedor. Só é preciso tomar cuidado: deletar a conta do Google também apagará os seus backups.

7) Controles de volume

Os controles de volume foram aprimorados. Ao tocar nos botões físicos para aumentar ou diminuir o som, é possível selecionar opções avançadas na barra de notificação que surge. Ao tocar no ícone da seta para baixo, você ganha o poder de alterar separadamente o volume do toque do celular, das mídias e do despertador, evitando confusões.

8) Suporte completo a microSD

Essa próxima novidade foi descoberta nos documentos de certificação do Android M. Será possível instalar apps em cartões micro SD, que funcionarão como extensões da memória interna do seu aparelho.

O recurso "Adoptable Storage Devices” não é padrão e depende que desenvolvedores habilitem a função. Além disso, a formatação como memória externa pode fazer com que você possa usar o micro SD em questão somente no mesmo aparelho.

9) Suporte completo a USB-OTG

Outro novo suporte importante é à tecnologia USB-OTG. Isso significa que toda uma nova variedade de dispositivos de armazenamento USB será reconhecida pelo Android M. As aplicações são variadas, desde aumentar o armazenamento interno até passar arquivos rapidamente de um aparelho pro outro.

...

As novidades podem ser conferidas por quem é dono de um dispositivo recente da linha Nexus e instalou a prévia do Android M. Mesmo assim, recomendamos que você espere pela versão estável, que provavelmente terá ainda mais novidades em relação ao que foi divulgado por enquanto.

Cupons de desconto TecMundo: