(Fonte da imagem: Divulgação/Amazon)

De acordo com a Reuters Brasil, a Amazon deve começar suas operações no Brasil no quarto trimestre de 2012, abrindo uma loja digital de livros – reforçando os rumores surgidos em março. A empresa tenta conquistar um espaço na maior e mais promissora economia da América Latina (que chega a movimentar 10,5 bilhões de dólares só em compras pela internet) com o Kindle e um catálogo de e-books em português.

Segundo essa publicação, o foco em produtos digitais é uma estratégia do grupo de comércio eletrônico norte-americano para amenizar os riscos de uma estreia em um mercado com claros problemas de infraestrutura e um sistema tributário custoso.

"O Brasil seria o primeiro país em que a Amazon entra apenas com produtos digitais, e essa decisão foi tomada por motivos logísticos e dificuldades tributárias", comentou a fonte da indústria que conversou com a Reuters Brasil sob condição de anonimato.

(Fonte da imagem: Divulgação/Amazon)

A Amazon deseja dominar 90% do mercado de livros digitais no Brasil, informou uma fonte com conhecimento dos planos da empresa. Essa especulação não é infundada, pois muitos brasileiros já usufruem de conteúdos do seu site por meio de aparelhos adquiridos no exterior.

Conforme noticiado, o grupo já teria assinado contratos com aproximadamente 30 editoras nacionais, visando formar um repositório com 10 mil e-books até a temporada do Natal. A Reuters Brasil ainda revelou que o Kindle será vendido a um preço subsidiado de R$ 500 – valor que esperamos ser referente ao Kindle Fire, um tablet, e não ao e-reader da marca.

Fonte: Reuters Brasil

Cupons de desconto TecMundo: