Se você é fã da novela “O Clone”, atualmente reprisada pela Rede Globo, deve estar acostumado a acompanhar as performances de Jade, vivida pela atriz Giovanna Antonelli. Se a produção fosse feita nos dias de hoje, entretanto, a personagem poderia ter uma ajuda da tecnologia para deixar suas apresentações ainda mais interessantes.

A estudante Loretta Faveri, da College of Art & Design University em Ontario, no Canadá, desenvolveu um traje específico para a dança do ventre, que produz sons durante os movimentos da artista. O resultado é impressionante: mesmo que o equipamento apresente defeitos, existe de fato uma sincronia entre a música e os passos de Loretta.

A peça conceitual possui um LilyPad Arduino, um microcomputador normalmente utilizado em tecidos inteligentes, além de uma série de sensores, como um acelerômetro, capaz de detectar cada movimento realizado pelo corpo.

Toda a dança é transformada em sinais enviados para um computador a partir de tecnologia Bluetooth. No PC, há uma playlist especializada com um som para cada sinal registrado, criando uma melodia durante a dança.