Listas de marcadores do Word 2007

Como utilizar, configurar e personalizar listas com marcadores e itens seqüenciais.
  • Visualizações35.694 visualizações
Por Oliver Hautsch em 23 de Outubro de 2008

Não é porque você precisa redigir um documento muito sério para apresentar a um chefe rigoroso que você tem que deixá-lo feio e simplório. Todos sabem que o recurso de marcadores e numeração do Microsoft Word 2007 é uma ferramenta mais do que fundamental para quem trabalha com o programa no escritório, ou mesmo em casa, fazendo trabalhos acadêmicos. O que poucos sabem é que essa função tem mais opções do que aquelas que costumam ser usadas.

Das já conhecidas “bolinhas” e seqüências numéricas até imagens que você mesmo pode escolher, o recurso de marcadores e numeração é menos limitado do que parece. Os marcadores padrão, por exemplo, possuem teclas de atalho atribuídas a eles, que fazem com que a função de lista seja ativada automaticamente, já com o marcador desejado. Experimente digitar “1.” (sem as aspas) e apertar a barra de espaço ou a tecla TAB e veja que o Word adiciona o alinhamento automaticamente e inicia uma lista. Quando você teclar ENTER, já será preenchida a próxima linha com o item “2.”.

Grupo parágrafoExistem três tipos básicos de marcadores: com símbolos, numéricos e com vários níveis. Os marcadores com símbolos inserem o mesmo desenho a cada vez que você teclar ENTER. Os marcadores numéricos colocam os itens em seqüência numérica ou alfabética, dependendo da opção escolhida. Já os marcadores em vários níveis permitem que você insira subitens dentro de cada item pai. Ative os marcadores clicando em um dos botões correspondentes do grupo “Parágrafo”, que fica dentro da guia “Início”.

Marcadores com atalhos

Da mesma forma, se você digitar determinadas seqüências de caracteres, o Word substituirá os símbolos digitados pelo desenho correspondente, pois você fez nada menos do que digitar um atalho para aquele símbolo. Faça um teste: digite “->” (sem as aspas) no começo de um parágrafo e dê ESPAÇO, para ver o que acontecerá.

Exemplo de teclas de atalho para marcadores

Perceba na imagem acima que a cor da fonte foi alterada. Quando você estiver utilizando os marcadores padrão do programa, a cor deles acompanhará a cor definida para a fonte, automaticamente. Tente fazer o mesmo teste com os caracteres “>” e “*” e veja o resultado. Essas são maneiras rápidas de utilizar os marcadores, agora veja como configurar o recurso à sua maneira.

Marcadores com símbolos ou imagens

Se você não gosta de mesmice, mas gosta de incrementar seu trabalho, é possível alterar os símbolos das listas para qualquer um que você desejar. Existem vários tipos de símbolos pré-definidos dentro das fontes instaladas no seu computador, mas a fonte padrão exibida nas opções para escolher os marcadores é a de nome “Symbol”. Para alterar os marcadores clique na seta para baixo que fica ao lado do primeiro botão de inserção de marcadores[1]. No menu que abrirá, você verá os marcadores padrão e a opção “Definir Novo Marcador“[2]. Clique nesta opção para que seja aberta a janela de opções.

Escolhendo os marcadores

Há três botões na janela “Definir Novo Marcador”[3]. Clicando no botão “Símbolo” você verá mais uma janela, que mostrará todos os caracteres disponíveis para determinada fonte. A fonte padrão é a “Symbol”, mas você poderá tentar localizar marcadores em qualquer uma das fontes instaladas no sistema. Fontes como “Wingdings” e “Webdings” são boas opções, pois são compostas de desenhos variados.

Se clicar no botão “Imagem” na janela “Definir Novo Marcador”, você poderá selecionar qualquer imagem dentre aquelas que já vêm com o programa, ou importar uma imagem de sua escolha, clicando no botão “Importar”. Lembre-se de que, se você escolher uma imagem com tamanho diferente do padrão dos marcadores, ela ficará distorcida. Caso você queira usar uma personalizada, redimensione-a primeiro para o tamanho de 15 pixels de altura por 15 pixels de comprimento.

O botão “Fonte”, da janela “Definir Novo Marcador” serve para que você altere a fonte do marcador selecionado e outras opções como a cor, o tamanho, aplicar negrito ou itálico, etc.

Seqüências numéricas

Apesar do subtítulo, nesta opção você também pode selecionar marcadores alfabéticos. Este tipo de marcador é muito útil para organizar itens de uma lista. Para utilizá-lo, basta clicar no segundo botão do grupo “Parágrafo”. Se você preferir alterar as opções para adequá-las ao seu gosto, clique na seta para baixo que fica ao lado do botão[1]. Você verá alguns dos tipos disponíveis de marcadores seqüenciais. Selecione o desejado ou clique na opção “Definir Novo Formato de Número”[2].

Marcadores numéricos

Na janela “Definir Novo Formato de Número”[3] você poderá escolher o estilo da seqüência, a fonte, o formato do número e o alinhamento. Dentre as opções de seqüência há a possibilidade de utilizar até números por extenso. Você pode digitar qualquer coisa para que ela seja exibida junto com o marcador. Perceba na imagem acima que parte do marcador está na cor cinza e parte está normal. Aquilo que está normal foi digitado manualmente e o que está em cinza é o marcador em si, que será incrementado a cada novo acionamento da tecla ENTER. Isso é particularmente útil para quem precisa redigir editais, leis, regras, etc.

Listas com vários níveis

Esta é a opção mais complexa do recurso de marcadores do Word, pois você pode criar listas com vários níveis, cada um com seu marcador dedicado. Clique na seta para baixo, que fica ao lado do terceiro botão do grupo “Parágrafo”[1], para ver os tipos padrão de listas em vários níveis. Assim como os demais tipos, você pode definir o estilo deste da maneira como quiser. Para isso, clique na opção “Definir Nova Lista de Vários Níveis”[2]. Você pode definir até 9 níveis diferentes e formatá-los da maneira como quiser, selecionando o nível desejado na pequena coluna da esquerda.

Listas de vários níveis e listas personalizadas

 

Também é possível criar listas com marcadores mistos, com os símbolos padrão, imagens definidas por você e também seqüências alfabéticas. Essa opção é acessada clicando na opção “Definir Novo Estilo de Lista”[4]. Quem não se contentou com o grau de personalização mostrado até agora, com certeza vai ficar satisfeito com a quantidade de preferências que podem ser selecionadas.

Agora a parte prática: como fazer para utilizar os marcadores de vários níveis. Se você ficou assustado com as várias opções diferentes dos marcadores, pode se acalmar, pois não há segredo algum no uso dos marcadores depois que você os configurou. Depois de configurar seus marcadores e ativá-los, a cada novo ENTER pressionado será incrementada a seqüência no mesmo nível. Caso você queira criar um subitem, basta teclar TAB para que o texto seja recuado e o marcador selecionado para o nível inferior apareça automaticamente. Veja um exemplo abaixo, que mostra a seqüência de comandos.

Exemplo de texto em vários níveis e os comandos de recuo

Se você precisar voltar a escrever em níveis superiores, não pressione a tecla BACKSPACE, pois isso fará com que a ferramenta de listas com marcadores seja desativada. Para voltar a um nível superior, clique no botão “Diminuir Recuo”, que também fica no grupo parágrafo. Para ir para níveis inferiores, além do TAB, você pode clicar no botão “Aumentar Recuo”, conforme imagem abaixo.

Botões de aumentar e diminuir recuo

As listas com marcadores são amplamente utilizadas em inúmeros tipos de documentos, como manuais, editais, diários oficiais, etc. Agora que você já sabe como elas funcionam, já pode deixar seus documentos mais organizados, de uma maneira eficiente e personalizada.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!